Anderson me fez viado e corno.



Minha situação dentro de casa estava complicada, Anderson meu cunhado estava obcecado pelo meu cu e me caçava (literalmente) dentro de casa ou em qualquer lugar em que estávamos. Esta situação estava ficando perigosa por demais, morria de medo que alguém nos flagrasse e obviamente minha mulher descobrisse, afinal de contas estava dando meu cu ao seu irmão dentro de casa.Chamei Anderson para conversar sério com ele a respeito de nosso caso, expliquei que tínhamos que arranjar uma maneira daquilo dar certo sem repercussão nem magoar ninguém. Anderson me disse que tinha a solução para nosso problema e que por enquanto não podia antecipar nada, mas até o final de semana não teríamos problema nenhum era questão de tempo. Fiquei encucado com sua tranquilidade em me garantir isso, porém deixei com ele a solução. Dois dias se passaram e Anderson assim que cheguei do serviço me chamou e me disse que hoje eu teria não só a solução de nosso problema assim como uma pequena surpresa, bastaria que eu forjasse que teria uma reunião qualquer e que não poderia ir buscar Cíntia minha mulher e sua irmã no culto, apenas isso, o deixando a cargo de leva-la e traze-la da igreja. Indaguei o porque mas ele não quis entrar em detalhes, apenas pedindo que eu ao invés de sair de casa ficasse no seu quarto enquanto ele a levava ao culto deixando o caminho livre para nós dois. Achei estranho, pois de nada adiantaria pois isso geralmente nós fazíamos e de novidade nada existia. Ele retrucou e apenas pediu que eu fizesse o que ele mandava e aguardasse. Tudo bem, tomei meu banho e me troquei avisando a Cíntia que precisaria ir a reunião de nossa associação e que possivelmente chegaria um pouco tarde deixando a cargo de Anderson a levar ao culto. Ela compreensiva disse que não eu não se preocupasse esboçando um sorriso me beijou despedindo de mim. Sai porta a fora e rodiei pela varanda da casa ficando na área de serviço. Não demorou muito e Anderson abriu a porta do fundo me fazendo entrar. Fui direto para seu quarto enquanto ouvia o barulho de água que vinha do banheiro, era Cíntia que estava no banho. Anderson então cochichando disse para eu dar uns dez minutos e sair do quarto discretamente. Sem entender bem o motivo mesmo assim assentei com cabeça. Pouco tempo depois ouço eles conversando alegremente na sala mas não saiam para ir a igreja, estranhei e coloquei a cabeça para fora do quarto em direção ao corredor e apenas sussurros abafados ecoavam, pé ante pé fui saindo do quarto sorrateiro como um ladrão e me aproximei da sala na penumbra colocando o rosto no final do corredor e quase desmaiei com a cena que vi. Anderson meu cunhado estava sentado no sofá de frente para mim e Cíntia sua irmã ajoelhada nua e chupando sua pica enorme gemendo como uma puta segurando sua vara com as duas mãos mamava como se fosse um sorvete de tamanha vontade que engolia aquela mangueira.   Não podia acreditar em meus olhos tal situação, minha mulher evangélica chupando a pica do próprio irmão numa satisfação fora do comum. Entre surpreso e decepcionado fiquei ali estático vendo meu cunhado/amante me corneando duplamente. Anderson ao notar minha presença segurou a cabeça de Cíntia fazendo ela engoli toda sua pica a fazendo engasgar e tossir, ele socava sua pica com força em sua boca que recebia com extrema desenvoltura e experiência. Ele então começou a chama-la de irmã gostosa, puta do irmão, cachorra crente e ela gemia e tirando a pica de sua boca olhava para ele lânguida como uma gata pedia para ele a xingar ainda mais voltando a mamar aquele cassete duro e grande o masturbava e mamava pedindo que ele gozasse que ela queria beber seu leitinho quente. Eu estava num estado de tesão que não conseguia ter raiva dela, apenas surpreso pois em 15 anos de casados ela nem cogitava me dar um beijo sequer na pica quanto mais mamar daquele jeito e com tamanha volúpia, minha mulher estava se revelando uma verdadeira puta. Anderson estava em transe sendo chupado pela irmã e gemia metendo naquela boquinha gostosa anunciando que iria gozar e Cíntia acelerou as mamadas recebendo em troca uma gozada dentro da boca que ela sorvia engolindo tudo golfando uma boa quantidade que escorreu pelo canto da boca, Cíntia sugou até deixar a pica limpinha de seu irmão que revirava os olhos a chamando de putinha gostosa. Cíntia nem deu tempo de Anderson respirar direito e ali mesmo sentou em sua pica a colocando toda na buceta rebolando seus quadris largos cavalgava na pica do irmão aos gritos de gostoso dizia que era para lascá-la toda e que eu era um corno e não a satisfazia a tempos, Anderson aproveitando isso além se meter muito nela dizia que eu era corno e viado e que se ela deixasse ele ia me comer o cu também. Ela não sei se falando sério ou na onda que rolava da foda, falou que por ela Anderson me lascava o cu todo, contanto que não deixasse de fode-la sempre que possível. Eu já estava com as pernas bambas de tanta punheta que batia gozei diversas vezes seguidas ouvindo e vendo aquela trepada de minha mulher com seu irmão. Cíntia saltitava na pica do irmão enquanto ele chupava seus peitinhos duros e enfiava os dedos em seu cu e espancando sua bunda aos tapas. Cíntia anunciou que iria gozar aos berros jogava seu corpo para trás enlouquecida de prazer. Anderson também anunciou seu gozo largando dentro dela jatos de espermas, Cíntia gritava o chamando de gostoso que queria ser lascada, para ele arrombar seu cu e me fazer corno de todas as formas possíveis. Anderson a virou colocando ela apoiada no braço do sofá empinou sua bunda enfiou a cara em seu rabão abrindo sua bunda, sugou seu cu enfiando a língua dentro arrancando gemidos de Cíntia que pedia pra ele meter sua pica que ela queria ser estuprada por ele. Anderson então apontando sua estaca no buraquinho de seu cu foi aos poucos socando a pica em Cíntia que rebolava facilitando a introdução até sentir os culhões baterem na bunda. Cíntia gritava alucinada pedindo mais pica e Anderson segurando sua anca socava sem pena sua vara imensa. Falava ao ouvido de Cíntia que iria me foder o cu também e ela iria fazer de conta que de nada sabia. Cíntia pedia que ele me arrombasse todo que eu era corno porque não seria viado também, apenas queria que fosse aqui em casa para ela presenciar sem que eu soubesse claro, pois queria me ver sendo lascado por aquele pau gostoso do irmão. Ouvindo isso Anderson acelerou suas estocadas gozando dentro de seu cu inundando seu reto de gala quente. Cíntia estava em estado de delírio se masturbando anunciou seu gozo também e os dois desabaram no sofá desfalecidos, arfando cobertos de suor. Sai de fininho indo para o quarto de Anderson todo mole as pernas trêmulas de tantas punhetas que bati vendo e ouvindo os dois. Aí ficou fácil. Numa só tacada Anderson me tornou corno e viado. Sendo amante de sua irmã e meu ao mesmo tempo. E cumpriu o prometido me lascou o cu na presença de sua irmã, mas isso eu conto depois.

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario axel_rs

axel_rs Comentou em 30/06/2017

Muito bom, espero que continue ainda mais!

foto perfil usuario skarlate

skarlate Comentou em 30/06/2017

excelente

foto perfil usuario henriquebi

henriquebi Comentou em 20/06/2017

Putzzz, showww, tesao da porra.

foto perfil usuario vadinhosantos

vadinhosantos Comentou em 20/06/2017

Bom demais!




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


98472 - Minha esposa gabou seu irmão, dei o cu a ele. - Categoria: Gays - Votos: 15
98809 - Anderson meu cunhado viciou em meu cu - Categoria: Gays - Votos: 12

Ficha do conto

Foto Perfil patezcorno
patezcorno

Nome do conto:
Anderson me fez viado e corno.

Codigo do conto:
102248

Categoria:
Incesto

Data da Publicação:
20/06/2017

Quant.de Votos:
16

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


contos de novinhas dando o cúcontos no busao lotado a mulher loira do amigocontos erotico minha cunhada me viu mijano no matocontoseroticocasadasconto a entrevista de emprego com a coroaeu arreganhei minha bucetanora putacontosconto erotico com negao safadogarotos de programa picudos Palmas Tocantins deixei meu cunhado gozar na minha bucetacontos eroticos teho quinze anos e dou gostoso a bucetiha pro meu paicontos eroticos hetero casado fui dominado pelo coroaPapaimetemaiscontos eroticos de estupro anal de virgensconto erotico velho sadadoo desmarcado me arrombou conto gaycontos eroticos bissexuaiscontos eroticos gay vovo e seu na fodacontos casadas boqueteiras com fotos cfmcontos eroticos rotina de um casalContos erotico esposa ouvindo a cunhada chorando na pica do marido arrombadorconto eroticomeu pastor me comeuconto erótico deu para um estranho com meu marido no cinemacontos eroticos o marido viajou e eu comi o cu delawww.contos eroticos mae fude com filho novenho pauzodo dando cucontos eroticos csada dando a força/para/dotado e acabou virando uma puta/perto do maridocontos com fotoscfm casadascomtus erroticu mulhe casada fasendu carinhu no seu cachorrowww.sobrinhacontoerotico.com.brquadrinhos noiva bucetuda no campo refugiadosmeu vô tava bebado mais chupou minha bucetaContos eróticos de incesto e orgia com o papai o vovo e com os meus irmao na fazenda do vovo pauzudocontos eroticos barbeiro cortando cabelo de mulherquadrinhos porno de sogra e genro negros e jumentocontos eroticos incesto fiz um bebê na minha filhaporno com empregadaGozei dentro do bucetao da gorda dopada contoContosToda fudidacontos eróticos com fotos descobrindo minha ruivaContos eroticos de perda de virgindade incestodotado com novinha c pelinho ralo na bucetaConto erotico com ator famoso[email protected]casadas fogadas na suruba conto erotico com fotosmeu filho mamau meu pau contos gaygenro pega sogra n mara dotadocontos heroticos gay meu primo de dezesseis me comeu quando tinha oito anosContos eroticos gay montadinhacontos eroticos dando em baixo do chuveiroconto erotico desabafo de gaymerens chupando fudendo calcinha molhadaconto erotico grindrporno gravidezcompeniscontos exibindo a bunda na festaConto erotico tres senhoras dona de casa juntascontos milf escapadinhaconto erotico ilustrado cornosconto erotico com o segurança safadofiumi porno adoro ver acaucinha da minha irma no varauConto eurotico ccbcontos eroticos gay chupador de cuo bem dotado do bate papo contosconto erotico com a minha maecontos fudendo a motorista carreteirafodendo memor conto erotico mozconto erotico gay pegando pau do time de futebolContoeroticofaveladatrai meu marido por.dinheiro contoler contos eróticos de sogras que choram na rola de negros bem dotadoscontos eroticos cm foto minha erma me seduziu o fude ela e seu maridomarido da boa noite cinderela pra filha e abusa dela contos eroticosmamae putinha contocasada no sadomazoquismo xvidio