Mamei o motorista do Uber



No fim de Abril, uma amiga fazia aniversário e nos reunimos em uma pizzaria para comemorar. No fim da noite, como cada um morava em um lugar diferente, cada um pediu seu Uber e foi embora tranquilamente. Eu acabei acompanhando essa amiga aniversariante até um ponto e ônibus, pois ela morava um pouco mais distante e Uber sairia um pouco caro. Fiquei no ponto com ela até pegar seu ônibus e então fui para o meu ponto. Já tinha passado de meia noite e o último ônibus ainda iria demorar um pouco. Chamei um Uber e chegou bem rápido, coisa de um minuto.

Na tela do aplicativo, apareceu a foto do motorista. Printei a tela pois sempre mostrava para um amigo e fazíamos uma enquete se "pegávamos ou não". O cara era bonito, cabelo curto à máquina, meio parrudinho, não parecia muito gay.

Quando abri a porta, o motorista foi bem solicito e simpático e foi tirando um casaco que estava no banco do carona. Acabou colocando o casaco no seu colo e foi puxando assunto.

- É perigoso lá onde vamos?

- Eu não acho. Já cansei de voltar pra casa de madrugada e nunca me aconteceu nada. - respondi.

- Ah, tá. É longe?

- Não, rapidinho. - respondi.

- Tá vindo de onde? - ele saiu perguntando.

- Uma amiga fez aniversário, fomos pra um restaurante.

- E não arrumou nenhuma amiga pra levar junto? Quê isso! - ele saiu dando palpite.

- Não, hoje não. - respondi tranquilamente, achando estranho aquela forçação de assunto.

Enquanto ele puxava o assunto, eu fui reparando que ele não parava de pegar no pau. Era aquele trajeto com da mão no volante, mão no pau. Trocava para a mão direita, mão esquerda, toda hora. Quase perguntei se ele queria uma ajuda, para agilizar logo. Sempre li contos aqui sobre caras que pegaram motoristas de Uber e tudo mais, mas nunca tinha me acontecido isso, sempre pegava um Uber crente.

Estávamos na metade do trajeto e ele indo super devagar com o carro, a 30 KM numa via de 60 KM e toda hora perguntando se já estávamos chegando. E mão no pau, mão no volante. Disse que estávamos quase lá.

Quando chegamos, ele estacionou na frente da minha casa. Dei uma nota de vinte para pagar a corrida que foi menos que dez. Ao me devolver o troco, ele disse:

- Não acredito que não arrumou uma menina pra hoje.

- Não, hoje não.

- Tem certeza que eram meninas? - ele perguntou. Nessa hora eu tive certeza de quais eram as intenções dele e que ele deveria estar cheio de tesão.

- Hoje eram. Às vezes, não. - respondi.

- Então quer dizer que tu corta pros dois lados também? - o também reafirmou minhas certezas.

- Por que? Você curte, é? - minha vez de usar o deboche.

- Se rolar uma grana. Tá a fim de uma parada? - ele propôs.

- Depende do quê. - respondi.

- Quer dar uma mamada?

Ele propôs a mamada, eu topei, junto com um 'bônus' monetário que dei para a corrida dele. Disse que em frente de casa não dava. Fomos para a rua ao lado e ele estacionou debaixo de uma árvore. Coloquei a mão na coxa dele, ele foi abrindo as calças e abaixou a cueca junto. Uma piroca de uns 17-18 cm apareceu, era muito bonita, grossinha, daquelas que não são gigantescas, mas que marcam presença.

- Quer dar uma sentada? - ele perguntou.

- Querer, eu quero, mas não estou preparado. - queria muito, mas dar o cu depois de se empanturrar num rodízio, não é uma ideia muito boa. Expliquei a situação e ele entendeu.

Mamei muito o cara. Coloquei a piroca toda na boca enquanto acariciava seu saco e deslizava uma mão em seu peito e sua barriga bem peludos. Com a outra mão, revezava entre seu saco e suas coxas. Embora não parecesse, o cara não era um rato de academia, mas era forte e todo tonificado, pernas grossas e duríssimas e posso dizer o mesmo do peito e da barriga. Enquanto mamava, ele parecia estar relaxando bem gostoso. Ao contemplar aquele macho gostoso deitado no banco reclinado e relaxando sob os efeitos da minha boca, mamava com mais gosto.

- Não chega não? - ele me perguntou depois de alguns minutos. Mas ele sabia o que eu queria.

- Ué, não vai gozar?

- Quer que eu goze?

- Claro, tem que ser completo.

- Então deita aí e abre a boca.

Ele se ajoelhou no banco, de frente pra mim e começou a tocar. Percebi que ele estava perto de gozar. Ele gemeu bem baixo e então senti os jatos. Foram muitos jatos. Parecia que ele não pararia de gozar nunca. Eu estava com a minha calça aberta e apertando meu pau babado na cueca e sentindo seu leite inundando minha boca. Quando terminou de gozar, ele foi abaixando para sentar no banco e eu voltei para o meu.

- Agora engole essa porra. - ele falou. Acatei e engoli. A porra mais gostosa que já bebi na vida.

- Valeu, né? - ele me perguntou enquanto subia uma cueca boxer vermelha.

- Com certeza. Gozou gostoso. - respondi.

Ele me deu o telefone dele, para caso eu precisasse de um Uber tarde da noite e estivesse com tesão. Depois vi que, infelizmente, por algum erro do meu celular, o número não ficou salvo. Fiquei apenas com a foto do print da tela do aplicativo. Nos despedimos e fui pra casa ainda tentando limpar a porra que tinha escorrido pelo rosto.

Esse conto é real e lembro dele muito claramente - inclusive a conversa. Tentei reproduzir da melhor forma, pois o que mais me excitou foi ver aquele cara chegando onde queria comigo. Espero que gostem. Votem nos meus contos. Comentem também, mandem mensagens, sou de vocês.


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario lucasarrombadordecu

lucasarrombadordecu Comentou em 23/07/2017

ADORO FAZER BOQUETE TBM E COMER CUS, DELICIA.




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


97873 - Dando no terreno baldio e mais - Categoria: Gays - Votos: 8
97875 - Mamada na rua - Primeira mamada de 2017 - Categoria: Gays - Votos: 10
97912 - Dei para oito no bar de pegação - Categoria: Gays - Votos: 11
98050 - Mamando o negão pirocudo no shopping - Categoria: Gays - Votos: 9
98052 - Comi o casado enquanto a esposa estava viajando - Categoria: Gays - Votos: 14
98065 - Dei para o dotado casado - Categoria: Gays - Votos: 12
98067 - Fui dar para um e acabei levando dois - Categoria: Gays - Votos: 8
98069 - Levei pica de dotado - PARTE I - Categoria: Gays - Votos: 7
98070 - Levei pica de dotado - PARTE II - Categoria: Gays - Votos: 6
98138 - Comi o cabeleireiro no salão - Minha primeira vez sendo ativo - Categoria: Gays - Votos: 9
98285 - Sozinho em casa - dando para o dotadão no meu quarto - Categoria: Gays - Votos: 9
98389 - Minha primeira vez com um negão - Categoria: Gays - Votos: 6
98592 - Primeiras experiências e primeira mamada - Categoria: Gays - Votos: 2
98636 - Mamando no sítio - Categoria: Gays - Votos: 2
98844 - Arrombado feito puta por dois caras - Categoria: Gays - Votos: 8
98856 - Primeira vez com um GP - Categoria: Gays - Votos: 3
98879 - Dando para o GP dotadão de 24 cm - Segunda vez com um GP - Categoria: Gays - Votos: 23
98884 - Minha primeira DP - Categoria: Gays - Votos: 8
99072 - O cara que me descabaçou - Categoria: Gays - Votos: 5
99161 - Dando para o paulista no carro - Categoria: Gays - Votos: 0
99554 - Gozando no provador da loja - Categoria: Exibicionismo - Votos: 4
99661 - Arregaçado pelo negão dotado - virei a putinha dele - Categoria: Gays - Votos: 17
101189 - No cinema pornô em Nova Iguaçu, parte 1 - Categoria: Gays - Votos: 6
101194 - No cinema pornô em Nova Iguaçu, parte 2 - Categoria: Gays - Votos: 4
101467 - No cinema pornô em Nova Iguaçu, parte 3 - Dando gostoso para o moreno - Categoria: Gays - Votos: 7
101496 - Mamando o roludão no carro - Categoria: Gays - Votos: 9
107642 - Mamando no banheiro do supermercado - Categoria: Gays - Votos: 3
107646 - Levando piroca do parrudinho - Categoria: Gays - Votos: 1
107647 - Comi o casado - Novamente - Categoria: Gays - Votos: 7
110387 - Mamando na construção abandonada - Categoria: Gays - Votos: 8
111000 - A foda antes do natal - Categoria: Gays - Votos: 13
112502 - Peru de Natal - Categoria: Gays - Votos: 3
113348 - Foda de Carnaval - 2014 - Categoria: Gays - Votos: 2
114642 - Pagando o casado - Primeira vez dele com outro macho - Categoria: Gays - Votos: 6
114644 - Virando amante do casado - parte 1 - Categoria: Gays - Votos: 6
114948 - Virando amante do casado - parte 2 - Categoria: Gays - Votos: 5
127950 - Mamando por entre as árvores na Via Light - Categoria: Gays - Votos: 8

Ficha do conto

Foto Perfil rexpop
rexpop

Nome do conto:
Mamei o motorista do Uber

Codigo do conto:
102999

Categoria:
Gays

Data da Publicação:
08/07/2017

Quant.de Votos:
19

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


fudendo com mame quadrinhoesposa traindo com dotado contoscontos eroticos papai dormindo bebado eu aproveiteiultimos contos sadopai e filho rasgando o cu filha quadrinhoconto meu pai pirocudo me fudeu tirando minha virgindadeutimoscontosComh minha menina conto eroticoconto fudida prlo morador.de ruaGay picas grandes quadrinhoconto gay cunhadoporno foi so vizitar e nao resistiu ao pirocaoCANTOS FOTOS EROTICAS DE COLEGIAS NOVINHAS COM NEGAO PIROCUDOcontos gays o andarilhocuzinho bem melado de cdzinha conto eroticoirmao furioso contos eroticosconto erotico borracheirosexo mae e filho forte desenhobundao da mamaeultimos conto sadoaula de masturbacao contoencoxando a costureiraContos eroticos ilustrados-minha filha e um tesao, comi elaconto erotico fui na casa da minha sogra e so ta minha cunhadinhautimoscontosgozada conto eróticoSexo dp eroticocontos eróticos safadezas com donas de casavideo pono pesado eaberto do popayconto mulher sede a chantagem de garoto tranzarconto gay com entregador de pizza baianopai sai do banheirode pau durosogro japa pega anora japa aforcça xvidiosxviesposa peladaconto erotico minha prima me seduziucontos macho alfa pauzudoquadrinhos eroticos gay vingaca do vizinho heteroVideo de novinhas fudendo e gozando muito exageradamente que chega ao ponto de desmaia xvideosfudendo com meu dindo por.comfno doidoconto erotico gay cine pornoconto erotico com fotos de sogra safada boqueteputaria familiar contos incestos mãeschupando grelo até ferirMinha lua de mel contos eróticos com fotosconto erotico gay virgindadeZofiliaxoxotaultimos contos sadosexo erotico dp siriricaEu tava hospedado no hotel eu conheci uma coroa que tava sozinha hospedada no hotel eu fudi ela no seu quarto conto eroticolucia e arthur hentaicontos eroticosconto erotico meu irmao meu machoConto erótico gay - Aconteceu Amor Cap. 15caralho grabde fudendopornô hentais o filho bebado comedo a mãe em desenhofricanas porno mulhe aguenta 30centimetro de rolacontos erroticos de incertos filha amante pai 2017 ltimas publicaes Conto erotico papaku o meu padrinho comeu meu cubucetadascoroas inchadaConto erotico de tiacontos eroticos gay meu tio de dezessete me comeu bebado quando eu tinha oito anosconto erotico mae gostosaconto erotico o irmão depilandoconto erótico mulher casada estrupada pelo cao e perdeu a viginidade do anuscontos com cinco ano dei bucetaporno moz ponta finascocotinha conto eroticosogra nuacontos eroticos sentada no colo do.velhocontos estrupada. sogro viagemcontos dei banho na minha filhinhúltimos contos eróticos gayconto erotico a crente estuprada Comtos de sexo com namoradas submissasconto gay banho com avôcontos eroticos gay garoto odeio odeio odeio amar vocêconto erotico gay com tio gemeosfez sogra gozar duas vezes e mulher frAgou