Quinto relato - 15 dias em Ilha Grande - RJ



Meu nome é Roberto (branco, 1,70 e 85kg, 30 anos) e minha esposa se chama Carol (tipo índia, 1,70 e 85kg, cavala, bunda gigante e seios fartos, 25 anos).

todas as fotos de todos os contos são fotos reais dela.

Resolvemos alugar uma kitnet em ilha grande, para passar 2 semanas e recarregar as energias, na descrição do local, estava informado uma cama de casal, televisão liberada, fogão, geladeira, e banheiro, sem sofá pois não tinha espaço pois era bem pequeno. e área de lavanderia compartilhada com a outra kitnet que também tinha no local.

Conforme chegamos, a kitnet ao lado não tinha hospedes, e a nossa estava bem dentro do combinado, porém havia uma placa informando que a lavanderia estava com problema, então já tivemos o primeiro problema pois levamos roupas para apenas 3 dias pra não gerar muito volume, e tivemos que adaptar muita coisa pois teria que fazer isso durar ate o final dos 15 dias. passamos a andar nus pela kitnet, e como não tínhamos vizinhos, deixávamos as janelas abertas, a noite íamos de 2 a 3 lugares diferentes para aproveitar bem o local, durante o dia, íamos nos passeios de barco a todos os diversos trajetos que tinham disponíveis.

no inicio da segunda semana, já tínhamos diminuído esse impeto, e passávamos mais o dia dentro da kitnet do que fora, eram umas 14:00 ela foi descansar, o sol já não batia mais dentro da kitnet, o vento entrava pelas janelas abertas, principalmente na aberta em cima da cama, ela deitada nua ali de lado, era uma cena maravilhosa, resolvi ir em um mercado que tinha a uns quarteirões dali e não acordei ela pois tinha acabado de ir dormir, quando voltei, quase 1 hora depois, me assustei pois a kitnet do lado estava acesa, e tinha 2 rapazes la dentro rindo e olhando os celulares, foi rápido pra dentro da nossa e ela se mantinha na mesma posição, fiquei na duvida se eles não haviam visto ela assim, e fechei as janelas, a acordei mas não disse nada sobre o ocorrido, ela deve ter pensado que fechei as janelas devido aos mosquitos.

Quando anoiteceu, alguém bateu em nossa porta, ela estranhou, vestiu apenas uma camisa longa, que ia até o meio de suas coxas, que mesmo sendo larga, ressaltava seus fartos seios e os bicos, quem a visse, saberia que estava nua por baixo. eram os vizinhos, perguntando como estava a estadia ali, se sabíamos bons locais, acabamos por educação indo os 2 na varanda e ficamos um tempo conversando la fora com eles, a luz do luar, com a luz de iluminação das kitnets, deixavam ela naquela roupa ficar bem nítido os seios fartos, o vento mais gelado fez também os bicos ficarem bem chamativos. conforme iam perguntando, a gente ia indicando os locais, fomos até o portão para indicar onde tinha isso ou aquilo, e na volta, um dos canos que estavam com problema da lavanderia se rompeu, e fez um lamaçal entre as kitnets, subimos a varanda deles, e para passar para a nossa, precisaríamos nos sujar, para ajudar ela, pedi para subir em minhas costas e fomos, quando ela subiu em minhas costas, e eu peguei ela abaixo dos joelhos de cada lado, senti o calor de suas pernas e lembrei q ela estava nua, percebi que a camisa, mesmo longa, parecia estar na altura de sua cintura, então eles tinham toda a visão de seu cuzinho e sua buceta. quando chegamos na nossa varanda, ela desceu, se ajeitou meio sem graça e eles estavam fingindo não ter visto nada, e com seus celulares em mãos. nos despedimos, jantamos e fomos dormir.

No dia seguinte, no mesmo horário, assim que escureceu, eles bateram novamente na porta, atendemos, como estávamos com aquele problema da lavanderia, ela estava vestida do mesmo modo do dia anterior, mas dessa vez eles estavam com um balde cheio de bebidas, e foram entrando como se fossem de casa, como ela não havia dormido a tarde, ela estava com uma cara de cansada, e eles já deram as bebidas e ficaram puxando assunto, eu sentado em uma cadeira, ela sentada na cama e eles ainda em pé. nisso eles comentaram que pela cara dela, ela estava precisando de uma massagem, ela concordou, mas disse que uma massagem mal feita pode até piorar, e eles riram e disseram que trabalham exatamente com isso, são sócios em um SPA, e seriam massagistas profissionais, não acreditei muito, pois tinham muito jeito de 71.

Um deles se ofereceu para massagear seus ombros, mas como ela estava quase no meio da cama, ele pediu para ela chegar para frente, como ela não tinha apoio, ela fez aquele movimento padrão, abriu as pernas e deu um pulo pra frente, só não deu pra ver o útero dela por falta de claridade, ela de arrumou, eles riram um pro outro, e ele fez a massagem nela, no fim, ela disse que foi feito perfeitamente, e ele pediu para ela deitar então de bruços para fazer uma massagem completa, ela deitou, a camisa fez todo o contorno da bunda dela, ficando bem chamativa. nisso o outro disse que já voltava e quando voltou, entregou um óleo de massagem, ele passou nas pernas e nos braços dela, pediu para ela abaixar a camisa até a cintura para não sujar, ela fez com cuidado para não escapar os seios, e ele ficou massageando as costas dela até chegar ao cofrinho, depois de um tempo ele disse que ela podia se vestir, e perguntou se ela queria aprender a fazer massagem, ela disse que sim, ele tirou a camisa e a bermuda, ficou de sunga, deitou de bruços e o outro amigo dele veio ao lado dela e foi ensinando a ela como fazer, varias vezes percebia ele passando a mão nos braços dela e algumas encoxadas também percebi rolar, eu já havia bebido quase tudo ali e já estava vendo meio turvo sentado na cadeira.

o rapaz virou de barriga pra cima, tinha um belo volume marcado na sunga, ele deu uma hesitada mas o outro foi jogando o óleo em cima do peitoral do amigo e foi fazendo ela continuar a massagem, explicando a ela os pontos a serem feitos e pressão, fez ela fazer varias vezes na parte interna da coxa, e vi que por varias vezes a mãozinha dele esbarrava no saco dele, quando não tinha mais onde massagear, o amigo disse que era a vez dele. e foi tudo igual, ficou de sunga, começou pelas costas e depois foi pela frente até terminar nas coxas, nisso os dois falaram que ela iria receber a massagem dupla, ela disse nunca ter ouvido falar e queria ver como era, e deitou, mas nisso que deitou, ela reclamou que estava tudo melecado de óleo e virou de frente, resultado: ela ficou com a camisa encharcada de óleo, na frente e nas costas, e a cama também estava um mar de óleo, seria impossível dormir ali depois.

Ela se levantou da cama, tirou a camisa ficando nua brilhando com aquele óleo e disse "vamos terminar logo essa massagem direito e depois eu me visto", eles pediram para tirar as sungas para ficar mais confortável e ela disse que não se importava, e ficaram os 3 nus em cima da cama todos banhados em óleo, aqueles paus mega duros, parecendo 2 atores pornos, em cima da cama com minha mulher, ela deitada de bruços, e ficou massageando sua bunda (que não recebeu massagem anteriormente) e o outro ficou la do outro lado da cama, fazendo massagem nas costas dela, e o seu saco ficava passando na bochecha e no nariz dela, ela virava pro outro lado, ele fingia mudar a posição de massagem e voltava a se esfregar na cara dela, mandaram ela virar de frente, eles mudaram de posição, ela ficou com o rosto reto pra cima, o que estava na cara dela começou a massagear as virilhas dela, e o que estava na bunda agora estava massageando seus seios e ficou passando o saco pelo rosto dela, e ela só desviava quando precisava respirar.

Percebi que conforme os minutos iam passando, o que estava na virilha/barriga, ia cada vez mais abrindo as pernas dela, até que começou a massagear as pernas dela pro alto, o de traz ajudou, segurando os dois pés dela e abrindo o máximo que pôde, nessa posição, o que estava na cabeça dela, ajeitou sua cintura a modo que agora, a cabeça de seu pau ficava passando nos lábios, queixo, seios da face, nariz, esfregava o que podia no rosto dela, e ela se mantinha de olhos fechados e respiração forte, respirando muitas das vezes pela boca. o que estava embaixo, a vendo agora nessa posição de frango assado, enquanto massageava a parte interior das coxas, começou a esfregar a cabeça do pau na entrada da sua buceta, mas o pau do cara era mais grosso do que qualquer outra coisa que já a penetrou, quando ele se ajeitou e conseguiu introduzir a cabeça, ela segurou os lençóis da cama e abriu a boca como se buscasse ar, e nisso o outro já enfiou o pau na boca dela, mas parecia que ela não estava presente ali, ela em nenhum momento abocanhou ele, enquanto seu amigo tentava introduzir mais, ela ficava apenas como quem buscasse ar, quando ela sentiu as bolas dele batendo nela, parece que ela acordou do transe, levantou o corpo, empurrou até ele ficar sentado, entrelaçou as pernas nele, e sentou em cima dele, ficaram os dois abraçados nús, ela com aqueles seios fartos cheios de óleo, se esfregando no corpo dele, subindo e descendo naquele tronco, abraçados e se beijando como se fosse o ultimo dia de vida.

Como eu estava na cadeira atras deles, não tinha mais muita visão do outro rapaz, quando vi, percebi uma perna surgindo de cada lado, junto da perna dela que já estava ali, percebi então que ele estava se posicionando para ela ficar sentada no colo dos dois, e percebi que ele estava prestes a comer o único lugar dela que só eu tinha comido até então, seu cuzinho, percebi que ela parou de cavalgar, ficou com o rosto em cima do ombro do rapaz da sua frente, e abriu a boca sentido o pau do outro rapaz a penetrar em seu anus até então pouco explorado, até que ela voltou a subir e descer e vi que não tinha mais volta, ela estava a ser duplamente penetrada na minha frente.

Como em todas as vezes que algo ocorreu, se vocês perceberem nos contos, ela sempre age como se nada tivesse acontecido de anormal, ou até mesmo como se nada realmente tivesse ocorrido, então quando percebi que eles estavam já gozando nela, eu me fiz de bêbado e fingi já estar dormindo na cadeira. ela se levantou, quando viu que eu estava dormindo, nem foi ao banheiro, eles foram embora rindo pra kitnet deles, ela arrumou um espaço no chão para deitarmos devido ao óleo na cama, tomou banho, e depois veio me chamar "amor, vamos dormir, a cama está suja, vem dormir aqui no chão"

No dia seguinte, acordei mal por ter dormido no chão, ela não estava ali, escutei uns gemidos abafados vindo da kitnet deles, levantei, procurei ela e não encontrei, a cama estava em um estado lastimável, ela não fez nem questão de limpar, ainda tinha uma bela poça de esperma espessa nela, olhei pela fresta da janela, ela estava saindo de la descabelada, com a mão entre as pernas, fingi ter acordado naquele momento, perguntei onde ela tinha ido, ela apenas disse que tinha ido nos vizinhos agradecer a massagem de ontem, perguntei porque ela estava toda hora mexendo na buceta, ela disse que precisava ir mijar, vi que o chinelo que ela estava usando estava com esperma, e chegou a fazer pegadas de esperma pela casa, eles encheram ela como podiam. ela tomou banho, a tarde limpou a casa inteira, perguntei a ela porque a cama estava tão suja, pra ver se ela falava algo, mas ela disse que deveria ser do óleo usado na massagem.

A noite quando fomos dormir, aproveitei a posição em que ela estava de pernas abertas e de bruços, para olhar o estrago, a buceta estava aberta de um jeito que caberia fácil a mão ali dentro, o anus também estava bem arrombado. e fiquei ali tentando imaginar como seria nossas vidas dali pra frente.

Foto 1 do Conto erotico: Quinto relato - 15 dias em Ilha Grande - RJ

Foto 2 do Conto erotico: Quinto relato - 15 dias em Ilha Grande - RJ

Foto 3 do Conto erotico: Quinto relato - 15 dias em Ilha Grande - RJ

Foto 4 do Conto erotico: Quinto relato - 15 dias em Ilha Grande - RJ

Foto 5 do Conto erotico: Quinto relato - 15 dias em Ilha Grande - RJ


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario marlonrj

marlonrj Comentou em 12/07/2019

Sua vida estar começando agora vc tem que passa a participar limpador ela e os machos dela

foto perfil usuario libra2010

libra2010 Comentou em 11/07/2019

Ótimo conto. Os detalhes são importantes para criar o clima.

foto perfil usuario fulano

fulano Comentou em 11/07/2019

delicia de conto e fotos




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


141143 - Apresentação e introdução - Categoria: Traição/Corno - Votos: 34
141160 - Primeiro relato - A aula de jiu jitsu - Categoria: Traição/Corno - Votos: 39
141179 - Segundo relato - Marido cavalo da prima da minha esposa - Categoria: Traição/Corno - Votos: 43
141192 - Terceiro relato - O marido da prima de minha esposa no dia seguinte - Categoria: Traição/Corno - Votos: 28
141196 - Quarto relato - Balada e motel, ajudando a amiga de minha esposa e seu ficante - Categoria: Traição/Corno - Votos: 15
141285 - Sexto relato - Se adaptando a nova realidade - Categoria: Traição/Corno - Votos: 11
141293 - Sétimo relato - Primos e primas de minha esposa - Categoria: Traição/Corno - Votos: 22
141514 - Oitavo relato - Entrando para a academia - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7

Ficha do conto

Foto Perfil quasar88
quasar88

Nome do conto:
Quinto relato - 15 dias em Ilha Grande - RJ

Codigo do conto:
141263

Categoria:
Traição/Corno

Data da Publicação:
10/07/2019

Quant.de Votos:
9

Quant.de Fotos:
5


Online porn video at mobile phone


Contos sempre fui o viadinho de todos os homens da familiaxivideos pequenininha mais aguenta pau grandecuzinho eroticoconto erotico amigoconto me apalpa me tocaadoro ser encoxada linha vermelha 2017Porno sexo gemido de prazer de esfomeadas com pauzao gostosoporno de ladrões que come a mãe rabuda gostosa o marido deitadocontos novinha delicia cunhadocontos gay apartamentomeu amigo enrrabando minha mulhercontos heroticostravestirasganda pelo pai negro conto- comtos eroticos corno bebado com fotos[email protected]comi um transcachorro me comeu. calcinha molhada. contos heroticoscontos eróticos com fotos de marido sendo traído pela esposa 2017quadrinhos zooskoolcontos de sexo com a minha avoconto erotico a menina era um meninoconto erotico dando a buceta na esquina sem quererentiadacontoeroticoNa frente do marido corno na balada conto Eroticocontos eroticos vi a minha mulher gigantescoContocasadosarabesPorno contos incesto aprendendo tudo com papai e mamae,desde cedo,carinhososEu e minha prima os dois de menor nascendo pentelho ela me deu a b*****Contos eu e meu marido fudemos com varios travesti ela da o cuconto erótico traidoracontos erotico estrupando menina crenticontos eroticos primeira transa sadomasoquista quando meu dono me deixou presameu novinho preferido conto eróticocasada traindo contos ilustradovovo gay goza cu dr gazconto erotico o irmão depilandobuceta arrobadinhasconto da casada que deu para o pauzudo sofreu muitoutimoscontosContos eroticos gays irmao pai e tio dotados trasandoconto erotico vendo mamae enfiar consolo no cu de papaihomem malhado visido de homem aranha com tesão e com voutade de dár o cu porno gayfilha puta conto eróticoQuero foto itiada ohlano o pauzao d padrastoconto erotico veia cuzudahistoria erotica em quadrinhoputa vendida conto eroticoMãe boqueteirá contoseroticosharem conto eroricoconto erotico de mulher casada safada traindo o marido com o zeladorzoofiliacantoContos eroticos com velhinhoszoofiliacantoporno filho Engravidar mae dormidovoleibol lésbica sexo com negão infielsexo enqudrinho aventura liaPorno contos incesto papais e mamaes iniciam suas meninas de sete,oito,carinhososmulheres gosta de passar margarina no cu e na busetas e no corpo inteirocontos eróticos dando o cu no coletivoconto erotico dei meu cuzinho para meu filhofui a coelinha dos chefe dei o cu contos errroticoscontos erotico meu filho e amigosconto erotico comi minha empregada cinquentonadando a mulher pra negoes contosperfil erotico p conversarconto erotico de cornocontoeroticoarrombadanovinha nao aguenta a mao boba do papai xxxquadrinho porno justa causaistoria ti mulher transando com entiadaConto erotico superman a ameaca de pierceTrepando com um transman - contos eróticoscontos eroticos sendo posuida por um novinhocontos deixo meu filho passar a mão na tô cabeludatraicoesquadrinhosutimoscontosdoce nanda contos eroticoscheirei o pe do maloqueiro gaycoroa dotado peludoxvideos incesto tento resistirConto erotico gay soldado mete com fio dentalcontospornodecasadasconto erotico tentacao esposaconto: homem velho e feio me arregaçoubucetuda e e pirocudo contoschupa o caralho dele na minha boca, mama do leite dele, mama corninhoFoto de minha mãe conto comi um gordinho. contos eroticos gaycontos eroticos botei um macho pra desvirginar minha filha maecontoeroticoenrabadahq ajudinha da mamãe pornômeu mexicano chupou meus seiosContos eroticos. Meu Rabo grande pisquei para o filho