Mais um conto da Ruiva



Oi gente! Agradeço muito o carinho de todos! Hoje vou dar continuidade ao desfecho q iniciei. Sugiro, assim, que leiam os contos antecedentes e alerto ainda, que este conto que segue será um pouco longo. Conto com a paciencia de voces!

Era manhã de setembro e eu beijava-lhe o membro. Essa é uma frase de Drummond que se encaixa perfeitamente na situação.
Engolir o leitinho do meu avô era o melhor café da manhã possível. Entretanto, confesso que não contava com a visita de meu pai ao apartamento naquele momento.
Meu pai é um homem correto. Culto. Nunca me deu qualquer tipo de abertura e nem eu insisti. Nunca tive desejo pela rola que me colocou no mundo. Mas confesso que cogitei a possibilidade ao o ver na porta.
Mas ele saiu correndo.
Não sei se por vergonha de ter se deparado com uma cena de sexo ou se por ter visto seu pai na cama comigo. Aliás, nem sei se deu tempo de reconhecer o velho. O fato é que meu pai saiu do apartamento correndo e quebrou o clima da minha manhã com Padilha.
Vesti uma roupa e sai correndo atrás do meu pai. Certamente o alcançaria no Hall do prédio.
Minha boca ainda estava suja de porra quando eu encontrei meu pai na portaria.
- Quem diria, Ana. Uma verdadeira puta!
- o que o senhor queria?
- agora não sei mais.
- se quiser foder, vai ter que esperar... Tem um na frente. Mas se o senhor estiver a fim de um grupal a gente pode...
- poupe-me de suas piadas! Você deveria ter vergonha! Convocarei uma reunião para darmos um basta nisso. Hoje à noite, em meu escritório.
E foi embora.
Em minhas conjecturas, presumi que meu pai não havia percebido que o velho era o Padilha, do contrário, teria me esmurrado ali mesmo.
Subi para o apartamento, onde havia deixado um vovô preocupado, mas não menos gostoso.
Conversamos sobre os possíveis rumos de meu pai diante do grande problema de ter uma filha puta e ele Padilha concluiu:
- A melhor coisa que vc pode fazer agora é me dar esse rabo gostoso!
E eu não hesitei nenhum pouco. Padilha era meu ponto fraco. Eu nunca tive tara por velhos, mas ele sabia oq fazer comigo.
Me puxou pelo cabelo e me levou até a varanda, colocou meus seios pra fora da sacada e comeu meu cu. Sim, comeu meu cu. Com vista para o trânsito infernal da Aganenon Magalhães. Quem é de Recife sabe do que estou falando.
Tomamos café e ele foi embora.
Passei o resto do dia preocupada com a reunião. Meu pai certamente iria me extraditar, não ia querer uma vergonha na família.
Quando chegou a noite, me dirigi ao escritório do meu pai. Nervosa.
Achei que estaria a família inteira. Mas não, lá estavam meu pai e Padilha.
Meu pai puxou a cadeira para mim e fez as honras:
- para evitar tumulto, resolvi restringir nosso problema apenas ao patriarca, seu avô. Pois bem (e se dirigiu ao pai)... Hoje pela manhã, eu, movido pela ideia de introduzir a Ana aos negócios da empresa, resolvi fazer-lhe uma visita, pai, e ao chegar lá, me deparo com uma cena de sexo explícito, vergonhosamente com um sujeito de idade.
Padilha fez cara de surpreso.
- nunca confiei na reputação de sua filha.
Eu congelei. Como assim ele não iria me defender?
Eu tentei falar, mas meu pai não deixou. Padilha continuou o discurso:
- Sua filha é uma puta, Augusto. Não é novidade alguma. Dá aos professores de Letras para obter nota. Naturalmente, se formou em Direito pelo mérito de dar a buceta. Me admira você, Augusto, um homem tão esperto, não conhecer a filha que tem.
Meu pai congelou.
- Quer dizer que enquanto eu acreditava na potencia intelectual de minha filha, mesmo tão jovem, com duas graduações, a única coisa que ela fez foi se prostituir em troca de diploma?
Padilha respondeu:
- Não Augusto, ela é uma puta inteligente. Tem potencial pra dominar o mundo. Ela dá porque quer, mas é uma mulher inteligente. Já você, meu filho, você é burro.
- eu?
- é. Burro Augusto, burro! Quem sua filha estava mamando hoje quando você chegou no apart? EU! Quem comeu o cu dela hoje de manhã? EU! Eu sou o macho dessa vadia, e isso muda muita coisa para nós.
Meu pai surtou. Eu queria rir da cara de idiota dele, mas não era o momento.
- Mas pai, isso é incesto! E a mamãe? Você tá traindo a mamãe! Você se deixou levar por uma moleca pervertida.
- Augusto, eu tenho consciência de meus atos. E como seu pai e patriarca de nosso império declaro que ninguém, ninguém vai afastar essa puta de mim. O lugar dela é montada no meu pau. Se você usa seu pênis pra mijar apenas, eu sinto muito. Mas o meu pau é pra foder essa aí.
Eu senti vontade de pular em cima dele e dar ali mesmo, na frente de meu pai. Minha buceta já tava escorrendo de tanta vontade. Mas meu pai cortou a tensão.
- nesse caso, como resolvemos essa situação, meu pai?
- é simples: pedi vacância do cargo de professor da faculdade. Ana, largue seus compromissos. Passaremos um tempo na Holanda, pensaremos aos poucos a melhor forma de resolver esse problema. Augusto, deixe disponível o jatinho da empresa, partiremos amanhã.
- Pai, o que eu falo para a mamãe e aos que perguntarem pelo senhor?
Padilha riu, se aproximou de mim, enfiou a mão na minha calça: Procurou minha buceta molhada, enfiou o dedo e mostrou o dedo sujo ao meu pai.
- Caro Augusto, parafraseie Drummond: Certas coisas adoçam a boca murcha dos velhos.
E chupou o dedo com meu gosto.
Meu pai, ao ver tal absurdo e sem mais a falar, saiu do escritório.
E eu, rasguei minha roupa e fui pra cima de Padilha. Meu corpo já estava com febre de tanta vontade que eu tinha de dar. Antes mesmo que eu puxasse seu pau pra fora, ele me jogou na mesa e abriu minhas pernas e de novo eu senti aquela barba roçando minha bucetinha.
Fizemos o melhor 69 da minha vida e depois cavalguei naquela pica até ficar assada e fui pra casa, me organizar para a viagem.

Até a próxima, meus amores e muito abrigado pelo carinho de todos. Adicionei uma foto atual minha a seguir, para vcs lembrarem de mim. Entretanto, cortei o rosto por segurança. Espero que gostem!

Foto 1 do Conto erotico: Mais um conto da Ruiva


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario daniros

daniros Comentou em 15/01/2020

Adorei o conto!!!

foto perfil usuario daniros

daniros Comentou em 15/01/2020

Gosto de mulher que tem um fogo assim!

foto perfil usuario safadaofortaleza

safadaofortaleza Comentou em 15/01/2020

Porra que Buceta gostosa ocuparia ela por horas. Delícia de peitos também, toda gostosa e puta. Nota 1000 pra vc.

foto perfil usuario carlosstell

carlosstell Comentou em 15/01/2020

Buceta toda arregaçada.

foto perfil usuario kzdopass48es

kzdopass48es Comentou em 15/01/2020

Que maravilha! Betto o admirador do que é belo




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


105709 - O primeiro conto da Ruiva - Categoria: Incesto - Votos: 64
112964 - A ruiva em ação - Categoria: Incesto - Votos: 35
113515 - O terceiro conto da ruiva - Categoria: Incesto - Votos: 32
124224 - O quarto conto da ruiva - Categoria: Incesto - Votos: 46

Ficha do conto

Foto Perfil anaruiva
anaruiva

Nome do conto:
Mais um conto da Ruiva

Codigo do conto:
150555

Categoria:
Incesto

Data da Publicação:
15/01/2020

Quant.de Votos:
7

Quant.de Fotos:
1


Online porn video at mobile phone


conto eerotico fiquei submissoa minha irmacontos de tia que criou sobrinho e deu banhoconto de arrombaram o meu cu me dando dinheiroContos Eróticos MEU BUNDAOconto erótico de mendingocontoseróticos abusei de minha netinha brincando de médicodei minha bunda para meu irmão gozarconto erotico familis exibicionistacontos eroticos de velhos que praticam lactofiliainquilina paga aluguel mama maior pica sexo videosconto erotico insesto dei a puceta e o cu para o moço que tranalha nacheirinho de buceta do papai emfotos e contoscontoseroticos encochando minha norataradinha com o cucontos eroticos Meu pai,meu amor 005contos eróticos espiando minha esposa novinha em cacete GG parte 2conterotico irmãsvídeo de sexo cazeiro com novinha tranzando co padrasto. e ele fala pra rla fica quieta para mae não ouvirler contos tio comendo sobrinha virgem de 2017contos eróticos sem saber quem erarelatos sexuais nosso amigo comendo meu cú e meu marido filmanocontos eroticos mulheres casada dando para patrão do marido bem dotadosconto me apalpa me tocacontos novinha e labrador taradaocontos eróticos meu marido de tanto ele pedir acabei cedendocoto erotico sou a putinha do papaicachorroponhetaconto esposa transa com moleque negrinhoCastigando a filha porno em quadrinhos hentais xxxconto erotico velho abusando menina pirulitocontos de incesto toda noite eu finjo que estou dormindo para o meu filho me comerluizao no xvidio porno gayconto sexo so dpu cuConto erotico homem com ninfetinhagozando no cu do enteado gay novinho contos.eróticosconto de arrombaram o meu cu me dando dinheiroporno conto erotico come minha subrinha traverticontos eroticos mete tapasmulher metendo roludo na frente batidoconto erotico gay com tio gemeosentregado de pizza batendo ponheta com o clienteconto erotico casado gaytrepando conto eroticocontos gozei fazendo tatuagemcontos eroticos meninos padrinhoContos esposas safadas no menageminha amiga xupou a minha lelecaQuadrinho eroticos estupro emocionante 1Contos eróticos picantes de gays com fotos ilustrativaspeguei minha sobrinhaencoxa econxacontos eróticos de pedreiro que na reforma de casa transou com patrão e depois a patroaconto erotico de minha titia rabuda nua do rabao la em casa de sainha curtafodendo memor conto erotico mozinocente linda bebada pai taradpornôconto erotico com meu segurancacontos eroticos as inquilinas parte 3quadrinho porno de futebolconto erotico mae safadacontos cdzinha encanadorCOMENDO O CU DO NOVINHO GOSTOSOCANTOS FOTOS DE SEXO COM NOVINHAS VIRGEM E NEGAO PIROCUDOcontos eroticos suellen marido cdos pelos da sua buceta,conto lesbicoContos traiçao com africano roludoconto de madrasta taradaContos eroticos punheteiro de cadeiacontos com fotoscfm casadascontos de uma ninfomaníacacomendo gostoso a mãe contos eroticoshttp://contactpromo.ru/vandaa bunda da minha sogra nua gostosa em fotos reaiscontos eroticos mulekes na mao amigacontos de sexo forçado com velhos taradosa menina vai cozinhar e velho abusa delasexoporno homem com.o pau surreal arrombando o cu da filha novinha da vizinhapresente de aniversário de namoro corno contocontodecuzaoMinha amiga fernanda ela comigo na casa de praia conto eroticocontos eróticos em quadrinhos (desenhos) fudendo a vizinha negra gostosa da bunda grandeutimoscontosconto gay me afroxoumadrasta pegou enteado vendo filme porno e aliviou