Tive um orgasmo espiando meu concunhado



   
         
         
Os quatro andares do elevador nunca demoraram tanto para passar. Batia os pés no assoalho do cubo de metal enquando esperava meu andar, de tão ansiosa que estava para chegar ao meu apartamento. Fechei a porta, mas não acendi as luzes: caso o fizesse, Luiz poderia perceber que eu estava em casa e fechar a cortina... Ou não. Talvez ele gostasse de saber que eu o observava.
Na mesma hora de sempre, lá estava ele, tirando a camisa e jogando-a na cama. Depois, foi a vez da calça. Prendi a respiração enquanto tirava da bolsa meus binóculos novos, sem desgrudar os olhos daquele pedaço de mal caminho que vivia no prédio em frente ao meu. Olhei rapidamente para o restante do ambiente e, como normalmente acontecia, minha cunhada estava com ele, Devagar, ele tirou a cueca e deitou-se na cama, mas permaneceu sob minha visão. Fiquei excitada com a ideia de ver as expressões dele, enquanto a minha cunhada da vez o satisfazia de maneiras que eu só poderia realizar em minhas fantasias.
Ela se aproximou dele, iniciando a sedução. Percebi o peito dele subir e descer mais rápido conforme ela o tocava. Ela começou a masturbar seu pau, deslizando a mão para cima e para baixo e se inclinando para frente, para poder tocar seu peitoral bem definido com a outra mão. O clima esquentou de repente na minha sala e, quando percebi, já estava sem a calça e com a camisa desabotoada.
Ajeitei-me na poltrona que estava estrategicamente posicionada para o espetáculo e comecei a me acariciar enquanto olhava aquela cena. Toquei meus seios, minha coxa, a barriga e a bunda. Se eles ainda estavam esquentando, eu é que não seria apressada. Sentia minha calcinha ficando úmida com a expectativa. Queria estar na peleda minha cunhada, para poder tocá-lo daquela maneira e segurar o pau de Luiz com vontade. Ela mudou de lugar e se ajoelhou na cama, por cima dele, posicionando a bunda para que ele tivesse uma visão privilegiada de sua buceta.
Deslizou as mãos pelas bolas de Luiz e lambeu o pau dele com gosto, empinando mais a bunda enquanto engolia todo aquele mastro que eu podia sentir, de longe, que era gostoso pra caralho. Segurou o pau e se esticou ainda mais, para lamber as bolas dele também. Morri de inveja.
Luiz se retorcia de prazer. Ele dava tapinhas no traseiro dela e suas mãos estavam metidas entre as pernas da puta da minha cunhada . Eu conseguia ver os movimentos dele, indicando que ele enfiava os dedos na buceta dela e masturbava o grelo de vez em quando. Minha impressão era de que ele sequer pensava, simplesmente sentia o tesão percorrendo seu corpo, quase que acompanhando os espasmos que eu tembém sentia observando da minha janela. Era difícil segurar o binóculo com a respiração aumentando a cada nova investida dela naquele pau grosso e enorme e eu já revesava a mão que usava para segurar o equipamento e a que usava para estimular meu grelinho, que já estava latejando de tesão.
Tirei a calcinha do jeito que consegui e rebolei sozinha em minha poltrona, sentindo o tecido macio dela me tocar, imaginando que era a pele do Luiz roçando em minha bunda, suada, quente... A puta da minha cunhada continuava descendo e subindo a cabeça ora freneticamente, ora com mais suavidade sobre o pau dele.
Ele esticou os braços e segurou os peitos da puta com firmeza. Eu olhava aqueles músculos e implorava para estar no lugar dela, engolindo aquele mastro delicioso e sendo comida por Luiz. Tirei minha camisa e toquei meu peito como se fosse ele, tentando sentir o poder que ele teria sobre mim. Luiz a puxou e colocou-a em uma posição que me dava uma visão perfeita da cintura, bunda, pernas e, é claro, da buceta da puta desejando seu pau ansioso. Ele agarrou o quadril dela e meteu com força. Fazia caras e bocas, eu quase conseguia ouvi-lo gemer de prazer.
Meu tesão estava em níveis insuportáveis. Normalmente, eu conseguia assistir sem precisar me tocar, mas esta noite era diferente. Talvez fosse a proximidade trazida pelo binóculo... Só sei que eu queria mais. Posicionei meu brinquedo novo na borda da janela e me ajoelhei na poltrona, de quatro, mas sem perder minha visão. Tirei o resto de roupa que ainda tinha, abri as pernas e me masturbei insanamente, dando conta de todo aquele mel que escorria de minha xaninha.
Apertei meu sininho na hora que a puta montou em Luiz, cavalgando em cima daquele corpo moreno, forte, vigoroso. Eu nunca tinha me tocado assim antes. Quando Luiz saiu debaixo da puta das minha cunhada para coloca-lá de quatro na cama e meter no cu dela, precisei me segurar. Gemi baixinho e usei a mão para lambuzar meu cuzinho com o líquido que molhava minha xana toda. Enfiei o dedo médio nele, de um jeito que jamais havia feito, enquanto meu polegar massageava meu grelo freneticamente.
Eu estava quase gozando quando minha poltrona deslizou para trás e derrubou a mesa de centro de minha sala, junto com algumas coisas que estavam em cima dela. O barulho atravessou o curto espaço entre os prédios e Luiz virou o rosto, olhando fixamente para a minha janela. Um sorriso malicioso apareceu em seu rosto por um segundo antes de ele gemer de gozo, ao mesmo tempo em que meu corpo tremia inteiro, num dos melhores orgasmos da minha vida.

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario dani30sp

dani30sp Comentou em 29/11/2013

Fiquei com tesão. Muito bom conto. Pau duríssimo. Parabéns, tens meu voto também.

foto perfil usuario sertanejo

sertanejo Comentou em 10/05/2013

HUMMMM EU TAMBEM GOZEI MUITO LENDO SUA HISTORIA !!!E AINDA IMAGINEI TE CHUPANDO TODA E DEPOIS TE COLOCANDO NUM SALTINHO AGULHA, UMA POSIÇÃO QUE INVENTEI ONDE VC SÓ AGUENTA 2 MINUTOS DANDO E PEDE PRA SAIR....MAIS GOZEI BB !!!!BJSSSSS

foto perfil usuario

Comentou em 07/03/2013

ain... eu sei bem o que é isso!!!

foto perfil usuario aventura.ctba

aventura.ctba Comentou em 09/02/2013

Delicia de conto teve meu voto, já vivi uma situação parecida, e gozei como nunca. Leia meus contos, comente, vote se gostar, irei adorar. Ângela: Casal aventura.ctba

foto perfil usuario terranova

terranova Comentou em 09/02/2013

Urros de prazer... Excitação... Texto delicioso... Parabéns!

foto perfil usuario antoniolobo

antoniolobo Comentou em 09/02/2013

Otimo conto! Quando vc der para o cunhado nao deixa de contar aqui (com todos os detalhes). bjs




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


14679 - Presente para o meu Marido - Categoria: Fantasias - Votos: 9
17120 - Foi prêmio de uma aposta de cacheta - Categoria: Fantasias - Votos: 8
17121 - Realizando a fantasia minha e de meu marido - Categoria: Fantasias - Votos: 20
17435 - Alison o amigo negro do meu filho - Categoria: Interrraciais - Votos: 14
19884 - EU , MEU genro E MINHA filha - Categoria: Incesto - Votos: 25
20022 - Como é maravilhoso dividir que a gente ama - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 4
20023 - Comadre corajosa - Categoria: Traição/Corno - Votos: 5
20024 - EU MEU MARIDO E NOSSA COMADRE - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 11
23421 - Eu e Sil, sua mãe assiste tudinho. - Categoria: Incesto - Votos: 7
23422 - MÃE FORÇADA A TRANSAR COM FILHA E GENRO - Categoria: Incesto - Votos: 10
25743 - Cunhado do meu marido, mas não queria... - Categoria: Incesto - Votos: 12
25744 - a rola grande e grossa do cunhado do meu marido - Categoria: Incesto - Votos: 10
25745 - odiava o marido da minha cunhada - Categoria: Incesto - Votos: 7
25746 - CEDI A CHANTAGEM TRANSEI COM MEU CUNHADO, - Categoria: Incesto - Votos: 15
28971 - Eu, minha prima e seu namorado - Categoria: Incesto - Votos: 7
29033 - O marido super dotado da minha prima - Categoria: Incesto - Votos: 5
29336 - Elas apostaram e perderam no jogo de damas - Categoria: Incesto - Votos: 11
33032 - DEI E GOZEI GOSTOSO COM MEU CUNHADO - Categoria: Incesto - Votos: 17
33192 - O Marido Negro da Minha Cunhada ! - Categoria: Incesto - Votos: 24
33514 - Eu, minha esposa e a prima dela. - Categoria: Incesto - Votos: 11
33515 - Abusada, pelo marido da minha prima, Gemi gostoso - Categoria: Incesto - Votos: 28
41875 - Transei demais com o compadre da minha amiga - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 3
42272 - Eu minha amiga e seu comadre - Categoria: Incesto - Votos: 10
42275 - Eu, minha amiga safadinha e o compadre dela - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 5
123534 - Eu minha sogra e sua amiga - Categoria: Incesto - Votos: 16

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico amandaprazer

Nome do conto:
Tive um orgasmo espiando meu concunhado

Codigo do conto:
25648

Categoria:
Fetiches

Data da Publicação:
07/02/2013

Quant.de Votos:
5

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


conto erotico de patricinhametendo a mao no rabo da vadia no ônibusamiga da minha mulhe nuavideo caseiro erótico mulher virando sanduichecontos eroticos de maes sendo acediadas pelo filho reaiscontos eroticos tesao inocente incestContos erotico esposa esperimentando biquini com bucetao cabeludofotos de pau de 30cm arrombando bucetas e enchendo de porra so casadinhascontos c**** manso obedientede quatro com cinta liga e bojo dando a bucetaO pedreiro me estuprou contosgozando no cu do enteado gay contos eroticosGemendo pro corno ouvir.conto eroticoa funcionária virgem e seu patrão agiota conto eróticocontos gay gostoso do tinder ele:historia quadrinho porno vizinhaconto erotico entregador de pizza a forcaveridico, flagrei minha mae transandopornodoido esposafraga marido dando o cuajudando minha filha contos incestoperdeu o cabaço do cu no canavial contos eróticos com fotoscontos de buceta com porra[email protected]contos eroticos meu irmao tirou minha virgindade na marranao para corno to com tesaoutimoscontosporno brasileiro casada deu cu apedadihoconto erotico sogra bundudaconto quadrinho engravidando a mamãcontos com fotos cfm casadascontos com fotoscfm casadascontos eroticos diretores de escola chantageando novinhas virgensvirei femeacontos eróticos era menina mas aguenteicontos eroticos garoto gay dando o cuzinho virgem brincando de esconde escondecontos de biza scatcomendo nerdisinha contosconto erotico como me tornei uma putanao acreditei quando ele disse 23cm conto gayVestida de noiva traindo com negao xvideo esfrega na cama igozaConto erotico gay estuprado pelos professoresConto erotico gay soldado mete com fio dentalutimoscontosconto erotico menininhascontos chupei o motorista da Ubereu e minha mãe na praia fazendo sexocontos eroticos de meninas cedutoras que fazem de tudo para pega 3 pau no cu e na buceta e ainda choram muitocontos eroticos tia x sobrinhomoleca branquinha safadinha fotos nua em contos eroticosconto erotico orgiaquero ouvir conto erótico de garoto de programa não aguentou o pau grosso do clientecontos com fotoscfm casadasporno conto erotico meu sogro roludodando para o pedreiro; contos gayutimoscontosmulhe. fezemno pornocontos de lesbicas virgemfilho dando banho na mae contos eroticosos policias comero minha muler porno contos eroticoConto erotico de evangélicarelatos eróticos reais incesto mãe sentada no cololevei 30cm do rola de meu padrato xvideo gay erguas com gozominha mãe me surpreendeu contos de incestofudi minha priminha novinha contocontos eroticos experimentei viado amigo gayconto erotico gay o gurizinho e o negao antigowww.contochorei/navaraquadrinho porno gaycontogaypornomadrasta pegou enteado vendo filme porno e aliviounegrinha feis sexo com o pai por vingançasMinha tia bebada conto eroticocontos eroticos pai benado arromba cu da filhinha putinha