Preparação para o gang bang com negrões



Conforme último relato enviado, a minha esposa Sheila havia dado a xoxota e o cú para 5 negrões pirocudos e ainda para o caseiro com pica de elefante. Havíamos trocado telefones com os rapazes e havíamos combinado uma nova suruba, um gang bang, agora com 10 homens negros super dotados.
Depois daquela suruba no sítio, a minha esposa ficou uma semana sem querer dar a xana para mim, pois além de estar arregaçada, estava também alargada. Ela foi até a um ginecologista para ver como estava a buceta.
Passadas 3 semanas, ele veio para mim e perguntou quando faríamos o gang bang. Fiquei surpreso, pois para quem não queria dar para negrões no começo, e agora estava tão interessada.
Eu disse pra ela que tinha o telefone de todos e que assim que ela realmente quisesse, era só dizer pra mim que eu marcaria o evento. Ela então disse : - Vamos marcar para esta sexta-feira à noite, pois não aguento de tesão e quero ser fodida novamente por estes negrões pintudos e tesudos. Então disse a ela que tentaria, pois já era terça e não sabia se haveria tempo para contatar todos, e também informei a Sheila que desta vez seria um gang bang com uns 10 negrões, e então ela me disse : - 10 não, 11, pois quero que você traga o Seu Zé " jibóia ", o caseiro do sítio do teu amigo.
Eu disse que tudo bem e comecei a ligar para os rapazes. Primeiro liguei para o Clóvis e ele concordou com a data e disse que arrumaria mais 2 amigos que estavam afim, pois ele havia contado pra eles o que havia ocorrido no sítio. Então disse aa Clóvis que as condições eram as mesmas : sem camisinha, só com o exame. Ele me respondeu que seus amigos já haviam feito os exames pois eles já estvam preparados. O Clóvis disse também que para agilizar já havia entrado em contato com os demais e combinado todo o esquema, ele disse que no total seriam 14 caras. Eu fiquei apreensivo, mas concordei e disse que falaria primeiro com Sheila, que ouviu minha conversa e concordou.
Fiquei imaginando, que puta safada, agora vou ficar só comendo buceta ensopada e alargada, pois parece que ela não quer saber de outra coisa.
Agora só faltava o Seu Zé. Liguei para o meu colega e expliquei que precisaria do caseiro para fazer uns serviços em casa. Ele achou meio estranho mas disse que estava ok.
Faltava achar só o lugar e não queria pedir o sítio do meu colega, pois já seria abusar.
Então procurei uma casa numa praia bem afastada no litoral norte, sem muita vizinhança, e achei uma em uma pequena ilha, ideal pois não haveria vizinhos. Liguei para o proprietário e aluguei a casa.
Para facilitar as coisas e a viagem, resolvi alugar um micro ônibus para levar todos os caras.
Na quinta-feira à noite fui buscar o Seu Zé que irir dormir em casa. Chegando lá ele já estava pronto e animado, pois ele já imaginava o que iria acontecer.
Chegando em casa, minha esposa veio correndo me beijou com alegria e depois agarrou o Seu Zé e lhe deu um beijo de língua. Eu já estava imaginando o que ia rolar.
Ela me disse : - Saulo, hoje você dorme no outro quarto que eu vou fuder com o Seu Zé. Se você quizer pode filmar. Fiquei com ciúme é claro, mas também com muito tesão e meu pau ficou duro na hora. Eu estava chegando à conclusão de que era um corno manso.
Jantamos juntos e ficamos na sala assistindo TV, então Sheila disse que iria tomar um banho rápido e voltaria logo em seguida.
O Seu Zé já havia tomado banho e estava apenas de short, e ficamos conversando e tomando um vinho. De repente Sheila chega com um baby doll curtíssimo todo transparente, uma calcinha de renda toda enfiada no rabão, com sandália de salto alto, tornozeleira com um pingente de coração.
Eu e seu Zé ficamos excitados. O Seu Zé sem cerimônia levantou e tirou o short, expulsando toda aquela jeba preta e peluda que Sheila já conhecia muito bem.
Eu disse : - Vamos com calma, pois amanhã será uma viagem longa. E Sheila respondeu : - Tudo bem amor, isto vai ser só uma preparação para o que estar pra vir, vá buscar a câmera para filmar, que a ação vai começar.
Fui correndo e comecei a filmar. O Seu Zé girava a bengala como uma hélice e Sheila estava enfeitiçada pela piroca do velho.
Então ele parou e ela ficou de joelhos e começou a punhetá-lo com as 2 mãos. A jeba do Seu Zé começou a crescer e a tomar forma de uma tronco, as veias estavam saltadas e a cabeça parecia uma coguelo de Itú, marrom escura e reluzente. Minha esposa então começou a beijá-lo e passar a língua com habilidade. O Seu Zé gemia e dizia : - Lambe gostoso, minha puta, vou te arrombar com a minha jibóia e seu marido corno só vai olhar.
Do buraco da benga do velho começou a escorrer um líquido incolor, e minha esposa lambia e engolia aquele líquido com muito tesão.
Então Sheila iniciou a chupeta, mamava com toda vontade e quase não conseguia engolir o cacete do Seu Zé, que só gemia e puxava a cabeça de Sheila em direção ao seu pau. Depois de meia hora de oral, o velho disse : - Deixa eu chupar você pra deixar a sua racha preparada para engolir minha tora. O Seu Zé lambeu minha esposa que gozou umas 5 vezes.
O Seu Zé disse : - Chega de lambeção ! Agora é hora da cobra entrar. Ele arrancou o baby doll de Seila e mandou ela ficar de quatro no sofá da sala e pincelou a jeba enorme na racha de Sheila e mandou ver sem dó. Foi enfinado devagar e minha esposa gritava e gemia de tesão. O velho bombou durante uns 10 minutos e então sentou no sofá e pediu pra Sheila cavalgar. Ela ajeitou a piroca com a mão e sentou de uma vez e começou a sentar sem parar e gozava como louca.
Eu filmando e babando com a cena, dava para ver a racha da minha esposa alargada naquele cacete de jumento.
Depois disso o Seu Zé queria comer o cú da minha esposa, mas ela não deixou disse que era para usar só na festa.
Então o velho meio contrariado e deitou Sheila de costas no sofá e segurou as pernas dela e as areganhou e meteu com raiva e deu violentas estocadas, tirando todo a jeba e enfiando de novo. Ele tirou o pau e disse : - Corno, filam aqui a racha dela, e veja como esta esburacada pela minha pirocona! Realmente estava um estrago.
Então ele puxou minha esposa pelos cabelos e a fez agachar, mandou ela abrir a boca e chupar aquela tora melada de foda, e disse para se preparar para tomar o caldo de mocotó do Seu Zé.
Minha esposa chupava com sofreguidão aquele monstro de rola e de repente o velho soltou um urro e gozou na boca e nos lábios da minha querida e arrombada esposa.
Foram jatos enormes de caldo de esperma que saíam sem parar. Sheila estava como rosto todo melado de porra.
O Seu Zé depois de terminar passou a piroca ainda dura na boca, lábios e rosto de Sheila espalhando o esperma branco e espesso para que ela engolisse tudo.
A minha esposa ainda continuou mamando o cacete do velho até amolecer completamente. Havia um cheiro muito forte d esperma e Sheila estava satisfeita naquele momento.
Foram para o banheiro tomar banho juntos.
Ela me disse que era para eu dormir no outro quarto, que o Seu Zé iria dormir com ela no nosso quarto, pois se ela quizesse foder novamente não teria que levantar e mudar de quarto.
Não tive como argumentar e fiz o que ela me pediu.
Durante a noite, acordei ouvindo gemidos vindos do meu quarto. Provavelmente minha esposa estava levando mais piroca na buceta.
Bom, o gang bang fica para o próximo conto.

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


2765 - Enfim o gang bang com Negrões - Categoria: Interrraciais - Votos: 8
2769 - Final do gang bang - Categoria: Lésbicas - Votos: 4
2783 - MInha esposa e os pedreiros - Categoria: Interrraciais - Votos: 7
2810 - Chupando o cavalo e os peões - Categoria: Zoofilia - Votos: 7
2817 - Trepando com caminhoneiros - Categoria: Traição/Corno - Votos: 4
2824 - Dando para os coroas - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
3280 - Fodida na borracharia - Categoria: Traição/Corno - Votos: 3
3325 - Fodida na Chácara( parte 1 ) - Categoria: Traição/Corno - Votos: 1
4354 - Minha esposa e os garanhões negros ( Episódio I ) - Categoria: Interrraciais - Votos: 5
5089 - Minha esposa fodida no vestiário - Categoria: Interrraciais - Votos: 4
5101 - Minha esposa e Apollo - 1ª parte - Categoria: Zoofilia - Votos: 3
5174 - Minha esposa e Apollo ( parte 2 ) - Categoria: Zoofilia - Votos: 1

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico ninja

Nome do conto:
Preparação para o gang bang com negrões

Codigo do conto:
2764

Categoria:
Interrraciais

Data da Publicação:
27/07/2004

Quant.de Votos:
3

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


contos picantes dupla penetracao com fotoconto eroticos a filha do pastor trai o maridinhopai safadinho conto gayconto erotico vendo minha mijar tive que bater uma.punheta e ela dando risadabucetao veiaContos estrupada pelo soblinho na cadeiacontos eroticos o cuzinho assado da filhinhacontos com fotos cfm casais com dotadoscontos com fotoscfm casadascontos eroticos casadas traindoconto o chefe pintudo mim rasgou e mim deus promoçãoFodendo a buceta da minha tiaguadinho tarado ponocontos eroticosbunduda todinho arreganhada de culpar o arContofamiliapornofui violada com um velho de pau de 27cm conto eeoticopirailha dano a buceta de papai e mamaiconto viciada em da o rabo para o filho pirocudo ai que delicia mete filhaõContos mae punhetando o filholegging sem calcinha contos 2017Conhado nao e parente quadrinhos eroticocontos eróticos brasileiro passando potretor num travesti na praiaconto erotico gay jeferson o menino gatinhomulherescomedor cucontos eroticos desejos de chuparconto dei o cu no cinemaquadrinhos eroticos de bbcquadrinhos eróticos de gays o amigo negro do meu filho parte 1Bati uma bulheta gostosa contos eroticosultimos contos sadoMelhor transa contosmaegravidafilhocontocomi um transconto. erotico. meu. irmaolzinho. dormiu. na. minha. camaDona do aniversário da o cu conto eróticoporno braziliam fedom pai ensina filho a trocar punhetaporno Mãe cunhadopsicologas rabudas contosdesenhos de pornoContos erotico kell gordinha adora dar o cucontos eroticos flagrei minha namoradacontos eroticos reais adoro rasga meu cuconto porno velho roludoutimoscontosxvıdıos medıco O danado do sobrinho gemia muito - contos eroticos gayloiras nuas bucetascontos erot.sogra gostosa na piscinaFotos de Pirus de vontade de chupar e batendo punheta e rabo de gostosa emsebadaContos eroticos minha filha minha iniciaçaofiljo transando com maé mos quadradinhos do hentaycontos com fotoscfm casadasketmarinacontos porno climaxcontodecuzaoconto erótico gay, flagrado de calcinhaConto erótico gay padrefudendo o cu da minha sogra bundudacontos eroticos de zoofilia duas lesbicas e um cavalocontos eróticos adoida minha tia fez uma chupetacontos eróticos com fotos descobrindo minha ruivana minha cama conto eroticobundao da sogra contos ilustradoesposa traindo com dotado contosela encostou o cotovelo no meu pau conto eroticoconto casada ensinando o corno contos eróticos duas amigas na chácarahentai familia sacana banhando o vovoNa pica do meu pai agora sou mulher dele amo dar a xana pra ele fotos nuas da mia xanaConto ertico gay - Aconteceu Amor Cap. 15conto erotico gay minha vizinha prostituio o filhoxxpornor o eletricistacontos eróticos com tiaconto erotico aposta com,o irmaocontos eroticos como virei amante do meu avoeroticotranzacontos de patroas seduzindo empregadoscontos eroticos/ chupei a rola do meu irmãozinhocontos mimha mae virou minha puta na praiaperdi as preguinhas do cu quando era pequenaContos e vidios eroticos marido tenta convese mulher a fazelo de cornomadrasta pegou enteado vendo filme porno e alivioucontos eroticos borracheiro vanessaconto erotico esposa advogada comida pelo bandidoparte 2conto chupei engoli nao sujar o vestidoconto erotico cinderelaconto erotico funcionário gostosovideo de mulheres relatano sua trepadsContos eroticos ilustrados-minha filha e um tesao. dei a boceta pro meu paiporn freira omaleyسکسی سکس کارتونیcontos eroticos com fotos pag 148Contos eróticos picantes de gays com fotos ilustrativasbatendo punheta de chinelo contos