Minhas aventuras com minha puta



Podem me chamar de safado sou um coroa muito safado, com 50 anos me divorciei, queria viver aventuras, comecei a frequentar lugares de sexo fácil, namorei algumas mulheres, umas bem safadas outras um porre. Até que conheci Madalena, boqueteira de carteirinha, 35 anos, eu já com 55. Nos conhecemos num brega. Conversa vai conversa vem, fomos pro motel, chupou meu caralho de 17cm bem grosso, veiúdo e cabeçudo. Meti na bucetona dela, ela gemia forte, gozei na sua buceta satisfeito.
Ela foi ao banheiro, quando voltou deu uma mamada no meu cacete, já imaginei que ia gozar na sua boca de veludo, a filha da puta para de chupar olha na minha cara e diz quer dar o cu, assim na cara dura, ponho ela de quatro, não tinha muita experiência em botar em cu, mas comi aquele cu e esvaziei meus culhões dentro dela.
No outro dia liguei pra ela, me deu seu endereço e fui lá, cinco minutos de conversa e ele já chupava meu pau, fizemos um 69, ela chupando meu caralho e u seu cu e buceta. Fiz uma coisa sensacional, quando eu a comi de quatro em sua cama tirava da buceta e enfiava no cu, ficava revezando as metidas, hora no cu hora na buceta, acabei gozando em sua boca, nenhuma mulher havia bebido minha porra antes. Pensei, porra tenho que fidelizar essa puta.
Passei a comê-la com frequência, ela realizava todas as minhas fantasias, inclusive a de trepar com duas mulheres, ela ligou pra uma amiga que veio nos visitar. Minha gata não tem pudor, chupou a buceta da gata pra deixar bem molhadinha, abriu a bunda da sua amiga pra eu comer, dividiram meu cacete. Enfim, isso durou uma semana.
Um tempo depois ela disse que queria dar pra dois homens e fazia tempo que não sentia duas rolas dentro dela. Eu, macho, não admitia dividir puta com outro, disse que não aceitava. Ela foi embora no outro dia, depois de um mês, tarado pra fuder e com saudades daquela vadia, fui atrás dela.
Liguei e ela me atendeu, perguntei se poderia visitá-la. Ela disse que sim. Ela atendeu a porta completamente nua. Pensei, essa vadia tá doida por minha rola, pulei nela, lhe alisando e beijando, ela soltava gritinhos e risinhos, de repente vejo um cara de pau duro nos olhando, pergunto que porra é aquela, ela me apresenta Adolfo seu ex-sogro. Ela disse que sempre fodiam quando estava casa com seu ex-marido, e que ele é bem safado. Ela se ajoelha na frente dele e o chupa, Adolfo segura sua cabeça e soca fortemente em sua boca. Ele me olha e ri.
Fico ali sem graça, mas ao mesmo tempo de pau duraço. Ela o senta no sofá e depois senta em seu pau, começa a galopá-lo, me olha e geme cada vez mais alto, ela cochicha algo no ouvido dele, ele ri.
Pega na sua bunda e abre, me chama e diz, olha esse cu cara, ta piscando por rola, ela empina e pisca o cu, fiquei doido botei o pau pra fora e comecei e socar em seu cu. Não sei como ela conseguia rebolar. Terminamos no quarto com ela me chupando e o Adolfo comendo seu cu. Quando gozamos Adolfo se vestiu, se despediu e foi embora, quando ia fazer o mesmo ela disse pra eu ficar que queria que eu também gozasse em seu cu. Meti, meti, meti e meti, esporrei. Acordei pela manhã recebendo uma chupada. Falei que queria voltar a comê-la, ela falou que só voltava a dar pra mim se eu deixasse ela dar pra outros caras também. Fiquei pensativo, porra tinha sido gostoso comer seu cu enquanto ela dava pra outro macho. Aceitei. E nossa foda melhorou mais ainda. Já tinha uns amigos dela que a comiam seu ex-sogro era freguês antigo, Viramos até amigos.
Dois amigos meus também já comeram minha putinha. Há 5 meses um outro elemento entrou em nossas vidas muito loucas. Ela ficou louca quando viu um empacotador negro no supermercado, ela fantasiava imaginando que o rapaz tinha uma pica que iria até sua garganta. Um belo dia ela disse que queria muito dar pra ele. Fomos ao super e fizemos uma compra grande, falamos com o rapaz que se apresentou como Jorge,, dissemos que se ele levasse as compras pra gente lhe daríamos um dinheiro.
No final do dia ele foi, estava com uma camiseta regata, chinelo nos dedos e uma bermuda jeans surrada que parecia dois números maior que o dele. Milha puta é muito sedutora, convidou o Jorge pra sentar, ofereceu uma cerveja, na terceira disse na cara do Jorge que queria dar pra ele, ele perguntou por mim e ela pra não se preocupar que eu sabia de tudo.
Eu sentei no sofá em frente aos dois, ela tirou o pau do muleke da bermuda 21,5cm mais fino que o meu pau cabeça bem roxa e um sacão que minha puta botou tudo na boca. Fomos pro quarto. Tiramos as roupas, o Jorge é um negão de 1,80m, magro, pernas finas e sem pelo no corpo. Minha mulher sugava a rola do Jorge, enquanto eu sugava seu cu preparando ele pra ser fudido.
Minha mulher começou a dar pra ele de frango enquanto isso eu enfiava meu pau na sua boca, quando dei por mim Jorge estava me encarando, começou a alisar minha perna, como minha rola estava na boca da minha puta, logo estava perto da sua também ele dá uma lambida molhada no meu saco, tirei meu pau da boca da puta. E perguntei que porra era aquela. Ele falou que curtia homens também e que tinha ficado com tesão em mim.
Minha puta, como uma boa vadia disse pra eu entrar na brincadeira, resolvi experimentar. Enfiei meu pau na boca dela novamente, comecei a acariciar a cabeça do Jorge, minha vadia tirou o pau da boca enfiando na boca do Jorge. Chupador de primeira, babava meu pau como uma puta, noooooossa, já doido de tesão resolvi que iria comer aquele cu, fui por trás dele, abri sua bundinha pequena e vi um cuzinho roxinho, chupei aquele buraquinho o Jorge rebolava na minha língua e minha mulher-puta em sua pica, quando babei bastante aquele cu comecei a enfiar meu dedo médio nele pra testar a resistência, ele só empinou o cu e deslizou pra dentro, mordeu meu dedo. Porra depois de velho vou virar comedor de viado, pensei. Que se dane me separei justamente pra poder fuder por aí. Me posicionei por trás do Jorge e coloquei a cabeça na entrada do seu cu, forcei e não encontrei resistência, cuzinho fácil, guloso e treinado, só soltou um hummmm, e empinou o rabo, encostei meu saco no dele .
Bombei naquele cu com vigor, eu conduzia as socadas, eu metia no seu cu e ele na buceta da minha puta. Gozamos, minhas pernas tremiam. Estava exausto, fui tomar um banho, quando voltei minha puta era currada de quatro na cama, com uma mão segurava seu cabelo e com a outra a cintura controlando as pombadas, me olhou, jogou um beijinho e riu. Minha mulher me chamou e disse que queria me chupar, me posicionei em sus frente e eles começaram a dividir meu cacete, gosei na boca da minha esposa, assim que tirei o pau Jorge deu um beijo em minha puta, vi os dois brincando com minha porra em suas bocas. Ele acelerou as pombadas no rabo da minha femea e gozou, vi escorrer por suas pernas, ela levou Jorge pra tomar um banho, eles saíram do banho e minha putona foi fazer algo pra nos alimentarmos.
Conversamos um pouco e ele disse que gostou do meu pau, perguntei se ele queria que eu o comesse novamente ele disse que sim, que se eu pedisse ele ficaria de quatro pra mim ali mesmo, vi que já estava de pau duro e o meu não ficou atrás. Minha mulher entra na sala e diz, nada disso putaria só depois de todo mundo alimentado. Comemos, e ainda fodemos mais uma vez. Eu botei o cara sentado no meu, enquanto minha mulher chupava seu cacete e eu dedilhava seu cu e buceta. Gosei e senti a gala escorrer pelo meu saco, quando ele saiu de cima mandei limpar meu pau, chupou tudo, botou minha mulher de quatro do meu lado e comeu seu cu com muito vigor, gozou na sua boquinha.
Ele foi embora.
No outro dia conversando com minha mulher chegamos a conclusão que aquela foda foi ótima. Passamos a fuder com Jorge com muita frequência, como sua família era do interior os fins de semanas e feriados trepávamos, viciei em seu cu. Quando ele ficou desempregado ele virou meu puto. Minha puta lhe pagou um salário pra ser nosso amante. Ele arranjou outro emprego, alugou um quarto e trouxe um irmão pra morar com ele.
O ex-sogro da minha vadia também anda o fudendo. No último fim de semana fudemos nós quatro, tentamos fazer uma DP no seu cu, mas ele não aguentou. Mas não desistiu. Combinamos que a meta agora é enfiar dois paus o seu cu e na da minha puta.

Podem me chamar de safado sou um coroa muito safado, com 50 anos me divorciei, queria viver aventuras, comecei a frequentar lugares de sexo fácil, namorei algumas mulheres, umas bem safadas outras um porre. Até que conheci Madalena, boqueteira de carteirinha, 35 anos, eu já com 55. Nos conhecemos num brega. Conversa vai conversa vem, fomos pro motel, chupou meu caralho de 17cm bem grosso, veiúdo e cabeçudo. Meti na bucetona dela, ela gemia forte, gozei na sua buceta satisfeito.
Ela foi ao banheiro, quando voltou deu uma mamada no meu cacete, já imaginei que ia gozar na sua boca de veludo, a filha da puta para de chupar olha na minha cara e diz quer dar o cu, assim na cara dura, ponho ela de quatro, não tinha muita experiência em botar em cu, mas comi aquele cu e esvaziei meus culhões dentro dela.
No outro dia liguei pra ela, me deu seu endereço e fui lá, cinco minutos de conversa e ele já chupava meu pau, fizemos um 69, ela chupando meu caralho e u seu cu e buceta. Fiz uma coisa sensacional, quando eu a comi de quatro em sua cama tirava da buceta e enfiava no cu, ficava revezando as metidas, hora no cu hora na buceta, acabei gozando em sua boca, nenhuma mulher havia bebido minha porra antes. Pensei, porra tenho que fidelizar essa puta.
Passei a comê-la com frequência, ela realizava todas as minhas fantasias, inclusive a de trepar com duas mulheres, ela ligou pra uma amiga que veio nos visitar. Minha gata não tem pudor, chupou a buceta da gata pra deixar bem molhadinha, abriu a bunda da sua amiga pra eu comer, dividiram meu cacete. Enfim, isso durou uma semana.
Um tempo depois ela disse que queria dar pra dois homens e fazia tempo que não sentia duas rolas dentro dela. Eu, macho, não admitia dividir puta com outro, disse que não aceitava. Ela foi embora no outro dia, depois de um mês, tarado pra fuder e com saudades daquela vadia, fui atrás dela.
Liguei e ela me atendeu, perguntei se poderia visitá-la. Ela disse que sim. Ela atendeu a porta completamente nua. Pensei, essa vadia tá doida por minha rola, pulei nela, lhe alisando e beijando, ela soltava gritinhos e risinhos, de repente vejo um cara de pau duro nos olhando, pergunto que porra é aquela, ela me apresenta Adolfo seu ex-sogro. Ela disse que sempre fodiam quando estava casa com seu ex-marido, e que ele é bem safado. Ela se ajoelha na frente dele e o chupa, Adolfo segura sua cabeça e soca fortemente em sua boca. Ele me olha e ri.
Fico ali sem graça, mas ao mesmo tempo de pau duraço. Ela o senta no sofá e depois senta em seu pau, começa a galopá-lo, me olha e geme cada vez mais alto, ela cochicha algo no ouvido dele, ele ri.
Pega na sua bunda e abre, me chama e diz, olha esse cu cara, ta piscando por rola, ela empina e pisca o cu, fiquei doido botei o pau pra fora e comecei e socar em seu cu. Não sei como ela conseguia rebolar. Terminamos no quarto com ela me chupando e o Adolfo comendo seu cu. Quando gozamos Adolfo se vestiu, se despediu e foi embora, quando ia fazer o mesmo ela disse pra eu ficar que queria que eu também gozasse em seu cu. Meti, meti, meti e meti, esporrei. Acordei pela manhã recebendo uma chupada. Falei que queria voltar a comê-la, ela falou que só voltava a dar pra mim se eu deixasse ela dar pra outros caras também. Fiquei pensativo, porra tinha sido gostoso comer seu cu enquanto ela dava pra outro macho. Aceitei. E nossa foda melhorou mais ainda. Já tinha uns amigos dela que a comiam seu ex-sogro era freguês antigo, Viramos até amigos.
Dois amigos meus também já comeram minha putinha. Há 5 meses um outro elemento entrou em nossas vidas muito loucas. Ela ficou louca quando viu um empacotador negro no supermercado, ela fantasiava imaginando que o rapaz tinha uma pica que iria até sua garganta. Um belo dia ela disse que queria muito dar pra ele. Fomos ao super e fizemos uma compra grande, falamos com o rapaz que se apresentou como Jorge,, dissemos que se ele levasse as compras pra gente lhe daríamos um dinheiro.
No final do dia ele foi, estava com uma camiseta regata, chinelo nos dedos e uma bermuda jeans surrada que parecia dois números maior que o dele. Milha puta é muito sedutora, convidou o Jorge pra sentar, ofereceu uma cerveja, na terceira disse na cara do Jorge que queria dar pra ele, ele perguntou por mim e ela pra não se preocupar que eu sabia de tudo.
Eu sentei no sofá em frente aos dois, ela tirou o pau do muleke da bermuda 21,5cm mais fino que o meu pau cabeça bem roxa e um sacão que minha puta botou tudo na boca. Fomos pro quarto. Tiramos as roupas, o Jorge é um negão de 1,80m, magro, pernas finas e sem pelo no corpo. Minha mulher sugava a rola do Jorge, enquanto eu sugava seu cu preparando ele pra ser fudido.
Minha mulher começou a dar pra ele de frango enquanto isso eu enfiava meu pau na sua boca, quando dei por mim Jorge estava me encarando, começou a alisar minha perna, como minha rola estava na boca da minha puta, logo estava perto da sua também ele dá uma lambida molhada no meu saco, tirei meu pau da boca da puta. E perguntei que porra era aquela. Ele falou que curtia homens também e que tinha ficado com tesão em mim.
Minha puta, como uma boa vadia disse pra eu entrar na brincadeira, resolvi experimentar. Enfiei meu pau na boca dela novamente, comecei a acariciar a cabeça do Jorge, minha vadia tirou o pau da boca enfiando na boca do Jorge. Chupador de primeira, babava meu pau como uma puta, noooooossa, já doido de tesão resolvi que iria comer aquele cu, fui por trás dele, abri sua bundinha pequena e vi um cuzinho roxinho, chupei aquele buraquinho o Jorge rebolava na minha língua e minha mulher-puta em sua pica, quando babei bastante aquele cu comecei a enfiar meu dedo médio nele pra testar a resistência, ele só empinou o cu e deslizou pra dentro, mordeu meu dedo. Porra depois de velho vou virar comedor de viado, pensei. Que se dane me separei justamente pra poder fuder por aí. Me posicionei por trás do Jorge e coloquei a cabeça na entrada do seu cu, forcei e não encontrei resistência, cuzinho fácil, guloso e treinado, só soltou um hummmm, e empinou o rabo, encostei meu saco no dele .
Bombei naquele cu com vigor, eu conduzia as socadas, eu metia no seu cu e ele na buceta da minha puta. Gozamos, minhas pernas tremiam. Estava exausto, fui tomar um banho, quando voltei minha puta era currada de quatro na cama, com uma mão segurava seu cabelo e com a outra a cintura controlando as pombadas, me olhou, jogou um beijinho e riu. Minha mulher me chamou e disse que queria me chupar, me posicionei em sus frente e eles começaram a dividir meu cacete, gosei na boca da minha esposa, assim que tirei o pau Jorge deu um beijo em minha puta, vi os dois brincando com minha porra em suas bocas. Ele acelerou as pombadas no rabo da minha femea e gozou, vi escorrer por suas pernas, ela levou Jorge pra tomar um banho, eles saíram do banho e minha putona foi fazer algo pra nos alimentarmos.
Conversamos um pouco e ele disse que gostou do meu pau, perguntei se ele queria que eu o comesse novamente ele disse que sim, que se eu pedisse ele ficaria de quatro pra mim ali mesmo, vi que já estava de pau duro e o meu não ficou atrás. Minha mulher entra na sala e diz, nada disso putaria só depois de todo mundo alimentado. Comemos, e ainda fodemos mais uma vez. Eu botei o cara sentado no meu, enquanto minha mulher chupava seu cacete e eu dedilhava seu cu e buceta. Gosei e senti a gala escorrer pelo meu saco, quando ele saiu de cima mandei limpar meu pau, chupou tudo, botou minha mulher de quatro do meu lado e comeu seu cu com muito vigor, gozou na sua boquinha.
Ele foi embora.
No outro dia conversando com minha mulher chegamos a conclusão que aquela foda foi ótima. Passamos a fuder com Jorge com muita frequência, como sua família era do interior os fins de semanas e feriados trepávamos, viciei em seu cu. Quando ele ficou desempregado ele virou meu puto. Minha puta lhe pagou um salário pra ser nosso amante. Ele arranjou outro emprego, alugou um quarto e trouxe um irmão pra morar com ele.
O ex-sogro da minha vadia também anda o fudendo. No último fim de semana fudemos nós quatro, tentamos fazer uma DP no seu cu, mas ele não aguentou. Mas não desistiu. Combinamos que a meta agora é enfiar dois paus o seu cu e na da minha puta.


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario prialves

prialves Comentou em 30/06/2016

QUE CONTO GOSTOSO ADOREI E VOTEI.LEIA OS MEUS FICAREI FELIZ , BEIJOS DA PRI




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


78621 - O início do meu treino - meu padrasto - Categoria: Incesto - Votos: 25
78633 - O início do meu treino - meu tio - Categoria: Incesto - Votos: 13
78634 - O início do meu treino - o próximo passo - Categoria: Incesto - Votos: 13
78670 - Rola no rabo - Categoria: Gays - Votos: 18
78862 - Casado enraba melhor - Categoria: Gays - Votos: 11
78865 - eu quero pau, pau, pau - Categoria: Gays - Votos: 10
79350 - DEPOIS DO FUTEBOL, ROOOOOLAAAAAAA - Categoria: Gays - Votos: 18
80003 - DOU O CU PARA MEU EX-PADRASTO - Categoria: Incesto - Votos: 17
82207 - Vou esfolar teu cu: primeiro dia. - Categoria: Incesto - Votos: 11
82333 - Segundo dia: no motel conheci um pentelhudo 1 part - Categoria: Incesto - Votos: 5
84659 - Segundo dia: no motel conheci um pentelhudo 2 part - Categoria: Incesto - Votos: 3
84660 - Incesto rápido - Categoria: Incesto - Votos: 10
84794 - Na igreja descobri minha vocação: dar o cu, o cu.. - Categoria: Gays - Votos: 21
85037 - Adoro comer cu - Categoria: Gays - Votos: 19
85038 - Incesto com quase sobrinho - Categoria: Incesto - Votos: 9
85149 - Puta pai e putinha filho - Categoria: Gays - Votos: 27
85151 - Sou submisso do meu sogro - Categoria: Gays - Votos: 14
85386 - Comendo o cu da minha namorada e do meu enteado - Categoria: Incesto - Votos: 22
85703 - ex-presidiarios que nos fodem - dei o cu - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 15
85705 - Meu irmao e eu comendo o cu do meu enteado. - Categoria: Incesto - Votos: 15
85964 - Meu pau no cu da namorada, do filho e do enteado - Categoria: Incesto - Votos: 15
86340 - Quero dar até o cu ficar dormente - Categoria: Gays - Votos: 8
86342 - Putaria familiar - Categoria: Incesto - Votos: 16
86818 - Comendo o cu do professor do meu filho - Categoria: Gays - Votos: 21
86819 - Papai noel, meu padrasto e meu cu - Categoria: Gays - Votos: 13
87284 - Meu cu pro papai - Categoria: Incesto - Votos: 8
87291 - Levando meu enteado pra dar o cu pro treinador. - Categoria: Incesto - Votos: 9
87294 - Ajudei ele a comer o cu do filho - Categoria: Incesto - Votos: 9
88599 - Levar no cu é bom demais - Categoria: Incesto - Votos: 8
88768 - Argemiro, nem o cu do filho escapou. - Categoria: Incesto - Votos: 8
88770 - O Lobo e o lenhador no cu de Bonezinho Vermelho - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 7
90885 - Mae viciada, filho viado: pau no cu dos dois - Categoria: Incesto - Votos: 16
92191 - Por que meter em cu é muito bom - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 3
92456 - Aprendendo a gostar de cu. - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 4
92462 - Viadinho dominado por um coroa roludo-cu arrombado - Categoria: Incesto - Votos: 4
92619 - Orgia - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 8
94569 - Passei a adorar dar o meu cu - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 5
94573 - Meu amante comendo meu cu e o cu do meu filho - Categoria: Incesto - Votos: 8
94677 - O padrasto do meu filho me fez comer meu filho. - Categoria: Incesto - Votos: 10
94678 - Patrao e empregado, fudendo seus filhos. - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 4
94679 - irmaos virao putinhas dos velhos pauzudos. - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 6
94680 - meus filhos agora tem macho em casa - Categoria: Incesto - Votos: 5
94681 - começou com papai noel, terminou com o vo no cu - Categoria: Incesto - Votos: 7
94682 - dando o cu pro vovô, 23 cm no cu do netinho. - Categoria: Incesto - Votos: 4
94684 - orgia, muita rola no cu, ate minha mulher aderiu - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 11
102419 - Vovô enrabaou meu cu só com meias pretas. - Categoria: Incesto - Votos: 10
105837 - Meu macho passou a comer o cu da minha mulher também - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 11
105888 - Ai meu cu, doeu, mas eu aprendi a dar - Categoria: Gays - Votos: 11
108429 - Familia incestuosa, acabei com o sobrinho no meu cu - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 9
108445 - Fudendo meu enteado, depois a mamãe dele, só no cu, pra ficarem bem adestrados - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 3
108446 - Papai e filhinho, aas putinhas de todoo escritório - Categoria: Gays - Votos: 6
110483 - Tio Mauro e seu filho enrabaram meu cu, depois desocobri que eram meu pai e meu irmao, mais no cu. - Categoria: Incesto - Votos: 6
110484 - Gosto de fuder cu, incluisive o cuzinho do meu filho. - Categoria: Incesto - Votos: 8
110512 - Virei namorado de um viadinho de 20 anos, e como o cu do do pai dele. - Categoria: Gays - Votos: 12
110513 - Eu, putinha dos parentes da minha mulher, tres paus pretos no meu cu. - Categoria: Incesto - Votos: 7
113363 - Papai descobriu e foi dar pombada no meu cu - Categoria: Incesto - Votos: 5
113364 - Quando os machos do trabalho comeram meu cu depois do futebol - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 9
113365 - Meu sogro negao fudendo meu cu depois do beck - Categoria: Incesto - Votos: 20
117183 - Meu mundo incestuoso I – A primeira foi a tia - Categoria: Incesto - Votos: 11
117198 - Meu mundo incestuoso II – Mão amiga com o vovô. - Categoria: Incesto - Votos: 4

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico kkchorrao

Nome do conto:
Minhas aventuras com minha puta

Codigo do conto:
85393

Categoria:
Grupal e Orgias

Data da Publicação:
27/06/2016

Quant.de Votos:
10

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


contos gay corno excunhada dormindo de sainha sendo abusadatia dormindo e sendo abusada pelo sobrinhoconto erótico assedio de fio dentalconto erotico gay cumplices de um resgatecasa dod contos incesto ajudando minha irma nas tarefasContos eroticos dei a buceta para o vizinhoporno gay transando grudadinhos na camaconto estuprada por um pauzudoporno hentai imagen grandeminha namorada me traio com meu tiocontos/de dp com esposa e dois negoes e o corno vendocontos eroticos me esfregando no vizinhopraia de nudismo 25cm de pau grande grosso mae chora aiiii meu cu virgemContos ela me fez provar porrarapaz exitado no moleton xvidiocolega de quarto conto eroticoperdi as preguinhas do cu quando era pequenaconto erotico fortão comendo cu no réveillonnua na rua contocontos cfm com fotos esposas arrombadaspornocontoincestobuceta e anus arombado emendados pornocontos porno incesto lucia e marinacontos eroticos peituda da escolaConto erotico superman a ameaca de piercecontos com fotos de corno submissa e lambendo de espermameu pedreiro chupou meus seioscontos eróticos gay com montadocontosquadradinhoos funkstones 5conto gay noite fria na cama com meu irmãoconto um corno quase perfeitoconto erótico com cena de sexoparte 5pau e xana peludos contos eróticospokemons contos eróticos gayscontos erotico tano pra negaoContos com fotos de negões gozando dentro das bucetas das vovozinhascontos com fotoscfm de casadas bucetudascontos eróticos com fotos de apostacontos meu amigo me comeu hxhsogra atisa o genro ate ele fuder elscontos eróticos aprendendo com a esposaconto erótico Ricardão posando em casabucetas as mais belas esguixadas pornoconto erotico fui assaltado usando roupas de putinhacontos erotico casado maduros dando cu para maduros e fotosbanda desenha erotica fotosconto incesto filho comendo mãe pela primeira vezcontos narrados de nifetas encochada pau enormecontoscorno jonasrodiziodechupetaMeu filho gozou dentro da minha buceta,contoincesto contos cunhadaNegão comeu minha buceta no ônibus conto erótico heterossexual.Arrombei minha sogra contoconto erotico minha enteada gosta de apanhaGanhei a cunhada coroa cabacovídeo de pornô amorzinho para com gelatinaporno enquadrinhos mamae vadiame fizeram de vaca no ordenhador contos eroticosminha cunhada me de moral na feata dela e ela me deu sua bucetaquadrinho erotico gay cuzinhogifs jebas veiudascontoseroticos tirei o cabaso da minha entiada jamily doida pra daQuadrinho porno gaywww.contoerotico.pai e. filha na praiavoleibol lésbica sexo com negão infielcontos com fotoscfm casadasvantade de xixi sadamosquismo conto euroticominha esposa arrumou macho chegou mandando em tudo contospokemon eroticoconto erotico com fotosvirei puto dupla penetracao conto gayeu comi a minha filha Regianeafilhada seduzindo o padrinho contossou casada e amo meu marido mas virei putinha do meu chefeNifeta bem gostozacontos de sexo com o entregador de gashentai gay dragon rangerfiquei bebada e me levaram pra orgiaContos de cornos de siliconadasQuadrinho de foda e meteção