Meu instrutor me comeu na garagem da auto escola



olá, no outro conto já contei como tudo começou com o instrutor da auto escola.
Depois de termos transado como doidos no carro da auto escola, decidimos nos comportar pois alguns alunos suspeitavam de nosso envolvimento, e até mesmo o dono da auto escola já havia chamado a atenção do Ramon (instrutor). O dono disse a Ramon pra segurar a onda pois sabia que éramos jovens e solteiros e que a atração era inevitável mas que os outros alunos estavam comentando. E que pegava mal pro nome do auto escola...
Então Ramon me chamou e pediu pra pararmos enquanto eu estava fazendo as aulas, eu aceitei, afinal já faltavam poucas aulas.
Eu agia de maneira normal nas aulas, conversava com todos os outros alunos, e isso o deixava muito enciumado... certo dia ele estava dando aulas pra mim e pra outro rapas, e o outro instrutor que estava com aula vaga estava auxiliando... como as motos estavam ocupadas eu sentei e fiquei aguardando minha vez... ele veio e sentou ao meu lado e o outro instrutor ao lado dele, eu estava conversando com uma amiga por mensagens e ele ficou observando nossa conversa... e de repente ele deu um tapa na minha perna e disse, “e então Pernuda, vai sair final de semana?” eu o respondi e olhei a mão dele que permaneceu na minha perna como se disse-se “ela é minha”. O outro instrutor percebeu e começou a provocá-lo, pediu se o Ramon queria que ele me levasse pra casa no final já que ele não tinha mais aulas... e Ramon ficou roxo de raiva e tentou disfarçar. Disse que eu que decidisse quem iria me levar pra casa, eu pra tentar remendar já que nessa altura os outros alunos já estavam percebendo o clima, respondi apenas que tanto fazia, com tanto que chegasse em casa... levantei e fui fumar um cigarro, quando voltei, brinquei “e ai já resolveram?”, ele não me respondeu e saiu... no final da aula ele foi pro carro e me chamou, ai o outro instrutor disse:
-deixa que eu levo ela, eu to indo pra casa e fica a caminho! Você tem outro aluno pra levar no distrito.
Ele só respondeu:
- Ela é minha aluna e vai comigo!
Peguei minhas coisas entrei no carro, e fui para o banco de trás o Ramon ficou no banco do carona, e o outro aluno dirigindo, o outro aluno morava em um distrito uns 20 km da cidade, e ele quis levar o aluno primeiro. Desconfiei que ele queria falar comigo. enquanto íamos ele abaixou o espelho e ficou me olhando pelo espelho... depois ponhou a mão por trás do banco dele e ficou pegando na minha perna e piscando pelo espelho... continuei calada... depois que o rapas chegou em casa ele assumiu o volante como teríamos que pegar a rodovia ele não quis que eu levasse o carro. Mal saímos e ele começou com sermão:
- precisamos conversar, o pessoal ta notando a gente e isso vai pegar mal, temos que nos comportar...
Eu olhei pra ele e disse:
- é engraçado você me pedir isso não? Eu passei a aula toda fugindo de você, você tem ciúmes que eu converse com outras pessoas, você chega e Poe a mão na minha perna na frente de todo mundo, ou fica piscando e sorrindo o tempo todo pra mim... não sou de ferro embora estou conseguindo me controlar... mas você
Ele então me perguntou sobre a festa que eu falei que ia no fim de semana
-é sobre isso que eu estou falando, eu to agindo normalmente, mas você qualquer coisa fica se mordendo de ciúmes... e não esconde de ninguém.
Ele ficou irritado e então pediu pra só falarmos sobre assuntos profissionais a partir daquele momento.
Passou uns 2 dias e ele ainda estava brabo comigo, e eu tinha passado um dia bem tumultuado no trabalho... estava estressada, e era aula de moto, cai dois tombos, no terceiro eu sentei no meio da pista e joguei o capacete. Ele veio correndo levantou a moto e sentou do meu lado, perguntou o que tava acontecendo e por que eu tava tão irritada. Desabafei com ele e ele me abraçou... fiquei um pouco naquele abraço mas lembrei de nossa conversa e o afastei, peguei a moto e dei mais uma volta, mas começou a chover, ele então pediu pra que eu ajudasse ele a guardar as motos e ele me levava pra casa. Entramos na garagem e a chuva aumentou como o carro estava longe decidimos esperar passar um pouco a chuva pra irmos.
Sentamos nas motos um de frente pro outro e ficamos conversando, estávamos sozinhos na pista, e logo o assunto acabou (até tinha mas como estávamos sendo apenas instrutor e aluna eu não queria puxar assunto) eu soltei o cabelo que costumava deixar preso pra fazer as aulas de moto, e percebi que estava molhado, pensei alto, “nossa meu cabelo esta molhado” e ele disse: -deixa eu ver
Ele pegou pelo meu cabelo e me puxou ficamos corpo a corpo, fiquei toda arrepiada, e ele continuou segurando em meu cabelo e começou beijar minha orelha e meu pescoço, com a outra mão ele passou a mão em meu peitinho, eu continuei sem me mexer, (não queria dar o braço a torcer depois da ultima conversa) e ele continuou beijar meu pescoço e a respiração em meu ouvido me deixava cada vez mais excitada, nisso não agüentei mais ponhei a mão sobre o peito dele e mordi a pontinha da orelha dele enquanto descia minha mão por aquele corpo maravilhoso... então ele sussurrou:
-já ta querendo né! feche a porta caso chegue alguém.
Eu nem esperei, fechei a porta e quando estava voltando ele me segurou pelo braço, me virou de costas pra ele enquanto mordia minha orelha e meu pescoço, ia tirando minha roupa e roçando aquela pica grande em minha bunda depois dele tirar toda minha roupa, eu ajudei a tirar a roupa dele, e ele me pegou no colo e começou a me comer em pé mesmo... depois me deitou sobre uma das motos e começou a bombar, aquele vai e vem tava uma delicia... ele me segurava com força, e me socava com vontade, ai pediu pra mim ficar de 4 na moto, a posição que eu mais gosto, me virei de 4 com as mãos apoiadas no banco da moto empinei meu bumbum e ele começou pincelar aquela pica gostosa na minha xana, não queria entrar, quando finalmente entrou ele novamente me pegou pela cintura e voltou a socar com vontade, socava e gemia e sussurrava e suava, e eu ai ao delírio até que ele gozou, eu me debrucei em cima da moto e ergui minha perna um pouco e ele ficou ainda mais excitado e me socava com mais e mais vontade, e segurava pelos cabelos, e passava as mãos pelas minhas costas. Até que ele gozou... então deu um passo pra trás e se sentou na outra moto, exausto e ofegante, olhou em volta e disse melhor se vestir e irmos antes que apareça alguém...
Quando ele estava me levando pra casa ele disse que o que tínhamos feito tinha sido loucura e que não podia mais acontecer... embora tenha sido a melhor transa que eu tive eu aceitei novamente pois sabia que essa história tava apenas no começo.
Logo minhas aulas terminaram, e se iniciou um novo capitulo “entre tapas e beijos”
Mas esse fica pro próximo conto

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


86146 - meu instrutor me comeu no carro da auto escola - Categoria: Fantasias - Votos: 8

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico angelpantera

Nome do conto:
Meu instrutor me comeu na garagem da auto escola

Codigo do conto:
86150

Categoria:
Fantasias

Data da Publicação:
12/07/2016

Quant.de Votos:
4

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


contos hentai incestocontos eroticos minha esposa conservadora entrou na putariacontos eroticos vizinha crente kkkkconconto erotico minha mulher fude.do com o mednigocontos eroticos colegial sendo arrombada por professorconhecendo senhora conto eroticoela queria so queria so que esfregasse na buceta mas entrou e gozou dentro xnxx.comfilme pornô dos Simpsonscuzinho fechadodesejos inconfessáveis pornohomem trazando com boneca inflavelrabuda viajante contos eroticoscontos provocandofui buscar as coisas hora que voltei minha esposa de 4 levando sem camisinha contocontos eroticos dei para os amigos de meu marido no jogo de baralhoconto erotico andando peladoContos eróticos picantes de gays com fotos ilustrativascontos eroticos fudemos minhas primasContos Eroticos Comi a Namorada do Meu Amigoconto erotico cumendo empregada pretinha mozPauzudo alagado a esposa do Cornocontos eroticos madrasta cachorra leva surra de pica do enteadoConto erotico fiz minha prima virgem chora no meu pau 27cmcontos eroticos casadas com novinhoscontos erotico flagrei minha mae sendo arrombadazoofilia.comcontos eróticos em quadrinhos de mãe tomando leite condensado na xoxota da filha utimoscontoscontos geladeira coroa casada cornocontoseroticos.vip/hetero/conto-erotico-crente-safada/merens chupando fudendo calcinha molhadasobre o cuckoldminha mulher bebada comida por um molequeconto erótico novinha fudendo com o delagadogrelao contos eróticosconto de incestos meu tio pega na minha bureta[email protected]amor queroperder o cabaço do meu cuzinhoconto de rasguei o cu da minha empregadakomik xxxContos eroticos meu irmãozinho d é um profissional em chupar bctorgia em famílianegra grita de dor damo u cu para u negaoComtoerotico a coroa me seduzilporno enquadrinhos mamae vadiainsesto verdadexxvideoquadrinho erotico copiei o papaicontos eroticos coroa casada bancaria traiu com seu clientegay contos pedreirogozou na boca da irmadando p meu irmão. conto eroticodp anal currais contos eroticosconto erotico de irma e irmao transando escondido do maridocontos eroticos.ensinandocontos eroticos MEU filho meu DONO 3Contos e fotes negros caralhos gigantesconto meu pai descabacou minha irmachegando de mansinho contos erotico de cornominha sogra nuaporno quadrinhosesposa tomou um susto quando tirou a venda comtossam tres espias demais nuapono conta erótica de relato estrupando a tia do cu fedorentocontos eroticos cm foto minha erma me seduziu o fude ela e seu maridocontos provocandoconto pai dormindocontos erótico marido deixa mulher i pro motel e ela fala como foi atrazaconto erotico gay azeiteContos de sexo anal pai tira o cabasor da filha em segredo fotosxxvideo enviando abraço na buceta contos de porno sogro estrupa noracontos transex fudendo com entregador de pizzacontos eróticos de novinha casadaconto eroticos encoxando crente no onibusler conto eritico de nora gravida do sogroconto erotico minha sobrinha gosta de me dar mamaquadrínhos hentai sogro taradoflagrei minha irma novinha dando a buceta no matinho contosContos eroticos vi o'sobrinho da minha mulher comendo seu cu eu quis tambemconto de corninho realcontos er?ticos incesto minha cadelinha safadacontos eroticos meu sogro big dotadoCorno conto saradonora dis que sogro e safadomeu vovô me coloca no colo contos eroticos de incrsto