MINHA ESPOSA É CURIOSA



Era um domingo de manhã, bem sonolento. Eu e a Lisa, minha esposa (uma polaca de 1,65m da coxa grossa, xoxota sempre raspadinha e peitinhos pequenos com os biquinhos sempre durinhos) ainda estávamos deitados, quando ouvimos uma conversa alta na casa do vizinho, o Dada (aquele que ela dá uma força de vez em sempre). Rapidamente a Lisa pulou da cama e foi espiar o que estava acontecendo, pelas frestas da janela do quarto. O que deu pra perceber era que ele e o seu irmão mais novo, o Bebé, estavam falando alto sobre uma briga que eles recém tinham participado. É que na véspera, um vagabundo tentou entrar na casa do Bebé, enquanto ele não estava para roubar. Eles ficaram sabendo quem foi e foram buscar o sujeito pra dar uma lição no ladrãozinho. Era sobre isso que estavam comentando em meia a risadas muito altas que nos acordaram.

Ao notar que a nega do Dada (aquela que havia saído de casa e já tinha voltado) estava saindo com os filhos para a Igreja, minha esposa, curiosa do jeito que é, pulou da cama. E, como dorme pelada, colocou apenas o robe e disse:

- Vou lá ver o que ta rolando com o Dadá. Quem sabe eles estão precisando de uma mãozinha!
- Mas volta logo que eu quero dar uma! Eu disse. Gosto de dar uma trepada de manhã cedo.

Ela voou pro vizinho e foi logo entrando na casa dele, pois são bem amigos.

- E aí Dada, o que ta rolando? Ela perguntou. No que os irmãos olharam pra ela, vestida só com um robe cor de rosa até o meio das coxas, brilharam os olhinhos.

- Chega aí Lisa! Agente foi dar uma ideia praquele vagabundo. Enchemos ele de pancada, quebramo ele todo, rarararara. – Na vila é assim, olho por olho, dente por dente – o Bebé também ria muito.

- Vocês estão machucados? Querem que eu faça um curativo? Deixa eu ver como vocês estão! Se ofereceu minha esposa. Foi o que bastou pra eles fecharem a porta do barraco. Certamente quem ia levar pau, agora, era Lisa.

- Nossa, como tá suado Dada. Tá com o peito peludo todo molhado – ela foi dizendo e passando a mão no corpo dele. – Chega aqui Bebé, deixa eu ver se te machucou. Disse Lisa, enquanto era cercada pelos dois irmãos que estavam sem camisa, só de bermuda folgada (daquelas que ficam com os pelos aparecendo). O Dada é um mulato magro, 1,70m de uns 40 anos, faz bico de servente de pedreiro e vende umas bucha de maconha. O Bebé é mais novo, deve ter uns 30 anos, magro, 1,70m e faz bico de serviços gerais.

- Vocês estão tensos, quem sabe eu faço um carinho pra vcs relaxarem, Lisa muito prestativa quis ser gente fina com os irmãos. Eles toparam.

- Fica mais a vontade vizinha, tira esse roupão que ta quente aqui, disse Dada, que é o mais chegado, e já foi soltando o laço do robe. Quando eles viram que ele estava peladinho ficaram loucos, a testosterona subiu lá em cima. Ao mesmo tempo em que já cercaram ela e começaram a apertar os biquinhos do peito da minha polaca, cheirar o pescoço – o que deixa ela sempre arrepiada – e agarrar a bunda e a xoxotinha melada dela. Ela já estava completamente nas mãos deles. Então o Dada disse:

- Baixa aqui e dá uns beijos na banana. Ela fez na hora, enquanto Bebé ficou assistindo o show. Lisa botou a mão naquela rola que já era conhecida e começou a dar beijinhos, babar, mordiscar a cabecinha tirando pra fora da pele, aos poucos foi enfiando tudo na boca, chupando com vontade, apertando o saco, beijando o saco, lambendo, cheirando. Esfregou a rola na cara, ficou toda lambuzada. Cheirou os pentelhos, do negão, fez carinho, passou o rosto por tudo aquilo. Depois fez o mesmo com o Bebé, que estava de pé ao lado. Beijou a cabeçorra, lambeu, mordiscou, engoliu, babou, esfregou na cara. Ela entra em transe quando faz isso. A xoxota ficava cada vez mais ensopada. Eles o tempo todo arretando Lisa, apertando os biquinhos, enfiando os dedos no cuzinho, na xotinha. Quando a chapa estava bem quente ela quis ficar atoladinha.

Foi sentando na rola do Dada, devagarinho até entrar tudo, depois começou a pular na rola se segurando no pescoço dele. Ficou coladinho no vizinho, levando ferro, esfregando os peitinhos no peito peludo dele. Assim que ficou tesuda olhou pra trás e disse pro Bebé:

- Quer comer o meu cuzinho? Que pergunta! Bebé encostou a chapeleta na veia do cu da Lisa e foi cravando. Cu de polaca depois de levar ferro a primeira vez, parece que fica arrombado. Ela guentou tudo. Eles socaram a vontade e com muito tesão na minha esposa prestativa. Até que não conseguiram mais segurar a gala. Ela pediu:

- Dada, goza na minha boceta, quero que tu me finalize dentro. Depois o Bebé me dá leite na boca e na cara. Como gosta que gozem dentro dela, incrível! Bebé desencaixou, e o irmão dele foi socando até ejacular dentro da xotinha da Lisa. Ela ficou grudada nele, até entrar a última gotinha, só saiu do colo do Dada quando pau amolece e, se ajoelhou rápida na frente do Bebé que estava se matando na punheta. Deu aquela gozada na cara, na boca, nos cabelos da minha mulher. Ela terminou toda gozada. Depois deu uma geral na jeba do Bebe.

Enfim estavam os três bem calminhos. Então Lisa colocou o robe de volta e falou:
- Vou voltar pra casa que o Zé ta me esperando, pra dar umazinha. E soprou um beijo pros dois, afinal, eles não iam beijá-la depois de ter chupado duas rolas!

Lisa chegou em casa e veio direto pra cama. Foi tirando o robe, ficou peladinho e colou em mim. Ela estava com um cheiro forte de sexo por todo corpo, suada, melada, gozada. Abraçou-se em mim e me deu um beijo, estava com a boca e a cara com cheiro e gosto de porra e suor, com o cabelos duro de porra. Fui beijando ela todinha e lambendo, pescoço, peitos, barriga, lambi toda, até chegar na xota. A visão que tive me deu um frio na barriga. Estava doto vermelhinha, com os lábios colados do esperma seco. Quando afastei os lábios, estava completamente molhada, pedindo pra ser chupada. Chupei toda até o cuzinho. Depois de fazer o serviço completo enterrei o pau. Bombei até gozar tudo dentro. Ficamos abraçados e nos beijando até de tarde.
Essa curiosidade da Lisa me deixa louco!

Foto 1 do Conto erotico: MINHA ESPOSA É CURIOSA

Foto 2 do Conto erotico: MINHA ESPOSA É CURIOSA

Foto 3 do Conto erotico: MINHA ESPOSA É CURIOSA


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario lovingdf

lovingdf Comentou em 09/03/2017

Tesão de conto. Que esposa puta. Parabéns pela cumplicidade do casal, amigos, vizinhos...

foto perfil usuario fudedordecu

fudedordecu Comentou em 09/03/2017

Parabéns pela esposa safadinha que tem

foto perfil usuario deividi

deividi Comentou em 09/03/2017

Lisa deve ter meu na bucetinha bela esposa

foto perfil usuario franc43

franc43 Comentou em 02/03/2017

Belo conto. Votado.. Quero ser vosso vizinho .. Abraço franc.43




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


97108 - Para minha esposa gozar é assunto sério - Categoria: Traição/Corno - Votos: 7
97110 - Excursão para Praia - Categoria: Traição/Corno - Votos: 9
97112 - desejo de menina - Categoria: Fantasias - Votos: 1
97411 - ESPOSA GENTE FINA COM O VIZINHO - Categoria: Traição/Corno - Votos: 17
97746 - MINHA ESPOSA E MEU AMIGO - Categoria: Traição/Corno - Votos: 12
97933 - AMIGO DO PASSADO FUROU O OLHO DO MEU MARIDO TROUXA - Categoria: Traição/Corno - Votos: 12
98155 - MINHA ESPOSA JÁ ACORDA NA BANANA DO VIZINHO - Categoria: Traição/Corno - Votos: 19

Ficha do conto

Foto Perfil Conto Erotico adonai

Nome do conto:
MINHA ESPOSA É CURIOSA

Codigo do conto:
97485

Categoria:
Grupal e Orgias

Data da Publicação:
02/03/2017

Quant.de Votos:
17

Quant.de Fotos:
3


Online porn video at mobile phone


conto erotico chupei a almaultimos contos incestosconto erotico peixe com porrachantagem contos eroticoscolegiais com fio detal noonibus sarrando narola duraComo foi bom comer minha irmacontos eróticos querendo o leitinho do papaicontos gay gostoso do tinder ele:conto erótico de sequestrador de mulherestroquei a buceta pela punhetaso safada conto eroticoconto erotico meninapadre-nao-e-homem-1-temporada-contos-eroticosconto erotico flagradotrai meu marido com o jumento do subrinho dele contospirocas de jumentoPorno con culosgrandes con tetas grandes de feriteyavo pelada e cu de margarinaFudendo com o macho contoconto erotico cdzinha no carnavalconto erotico esposa fiel no onibuscontos mostrei minha bucetinha fui estupradacontos eroticos so de mulatas do rabo quentecrossdresser bundamae dando pro filho no banheiro, contos e fotosconto erotico concunhadaSou casada mas adoro quando um desconhecido levantou meu vestido e me comeu dentro do ônibus lotado ainda me ligou para o motelQuadrinho gay eletricistatop contos eroticos hetero pag 18putinha da prima bunduda contoconto erotico com fotosContos erotico travesti ta me comendocontodebucetonaConto erotico trasei aforca por dinheiroconto erotico papai pirocudo alto me regaçorola sexo gay no parque da cidade em sjc?Contos porno flagrei meu filhoputonanociolinda linda casada apertadinha gozar dentro engravidou conto eroticos contos eroticoskaçador35titio safado caralhudo noiva putinha noivo corninho safado contos com fotoscontos eroticos ninfetinhas virgens do papaicalca camuflada e pau duro porno gayfotos de pauzudas com rolas de 30cmfilha novinha cobros eróticocontos gay ursinho perdendo a virgindade com ursãoContos Padrasto tirando cabaçoscontoeroticodepedreiroconto erotico maninho ciumeutimoscontospegei minha tia no banho buseta carnudaconto erotico secretária puritanaemfiei un pipino no cu contoscumplicrs de um resgate contos eroticos gaysConto Erótico Incesto Gay – Meu tio me comeuhomem nu da cu sigamoconto erotico brincando esconde esconde com novinha do bairroContoeroticofodidadei pro amigo do meu marido/contoscontos ciumes do marido dominadorcontos eroticos anãocontos eroticos coroas com garotos negros roludosele criou uma personagem e comeu ela hentaifui buscar as coisas hora que voltei minha esposa de 4 levando sem camisinha contocontos com fotos cfm casais com dotadosconto erotico gay meu vizinho casado conto eroticoexxvidio de duas lesmicadp anal currais contos eroticoscontos erótico flaguei icontos dei banho na minha filhinhcontos eróticos ceram minha esposa na baladaboy gay passivo quer motoqueiro contohistoria erotica em quadrinhocontos fudi zenildacontos sexuais pedreiro nos comeuO que fazer pra comer minha mae conto incestocontos de grelos enormes gozando encaixadinhos num sabao gostososogro corno adora quando seu genro morde o gre da sua mulher sexocontos eroticos em showcarsias quadrinhos rentai maeconto erotico o cadeirantemsg pra amante do meu.maridoputaconto erotico gay bundodoconto erotico na igreja de mae e filhoneta virgem so que piroca do avo na bundinhaAs Aventuras de Liaconto eroticocomendo minha cunhada ia filha dela juntaConto erotico ensinei um casal jovem a foderContoseroticomulatacontos eróticos gay idoso